Leia também:
X Bolsonaro sobre ataque a creche em SC: “Que a Justiça seja feita”

Mineradora MMX de Eike Batista tem nova falência decretada

A empresa não cumpriu obrigações do plano de recuperação judicial

Monique Mello - 06/05/2021 19h07 | atualizado em 06/05/2021 19h08

Empresário Eike Batista Foto: Agência Brasil/Wilson Dias

Mais uma vez, MMX Sudeste Mineração, mineradora de Eike Batista, teve sua falência decretada. Proferida pela 1ª Vara Empresarial de Belo Horizonte nesta quarta-feira (5), a decisão afirma que a empresa não cumpriu suas obrigações do plano de recuperação judicial.

Na sentença, a juíza Cláudia Helena Batista declarou que “um novo prazo para a empresa se manifestar apenas agravaria o prejuízo já causado aos credores que há anos tentam receber os créditos que lhe são devidos”.

Em agosto de 2019, a Justiça do Estado do Rio de Janeiro já havia decretado a falência da companhia. Entretanto, os advogados do empresário conseguiram reverter a decisão da época.

No último dia 20, o empresário fora absolvido da acusação de prestar “informações desencontradas” sobre sua formação acadêmica às empresas X.

Leia também1 Curitiba: Bandido oferece R$ 19 mil à polícia para não ser preso
2 Assembleia Legislativa do Pará oficializa pedido de CPI da Vale
3 CPI da Covid: Integrantes terão que fazer testagem semanal
4 Bolsonaro sobre ataque a creche em SC: "Que a Justiça seja feita"
5 Tarcísio de Freitas comemora resultado de leilão de ferrovia

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.