Leia também:
X Bolsonaro sobre Temer: “Justiça nasceu para todos”

Michel Temer ficará preso em sala da PF no Rio de Janeiro

Decisão foi do juiz Marcelo Bretas, que deu tratamento igual ao recebido pelo ex-presidente Lula

Henrique Gimenes - 21/03/2019 18h14 | atualizado em 21/03/2019 19h43

Michel Temer chega à sede da Polícia Federal de Rio de Janeiro Foto: EFE/Marcelo Sayão

O ex-presidente Michel Temer irá permanecer em uma sala especial na Superintendência da Polícia Federal (PF) no Rio de Janeiro. O juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal, aceitou um pedido feito pela defesa.

De acordo com a PF, o local tem “condições de custodiar, provisoriamente, o investigado Michel Miguel Elias Temer Lulia, em sala previamente preparada e segura, com cama, banheiro e chuveiro”.

Em sua decisão, Bretas disse entender que o “tratamento dado aos ex-presidentes deve ser isonômico, uma vez que o ex-presidente Lula está custodiado na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba”.

O magistrado ainda explicou que, “caso a custódia seja realizada por esta Polícia Federal, solicita-se orientação sobre os itens mínimos que podem ser colocados na referida sala, como frigobar, televisão, etc (…) quanto aos itens mínimos, remeto também ao tratamento dado ao ex-presidente Lula, dentro, porém, das possibilidades desta Regional”.

Temer foi preso em São Paulo na manhã desta quinta. Ele é suspeito de ter recebido R$ 1,1 milhão de um contrato da Eletronuclear, responsável pela construção da usina Angra 3.

Leia também1 Bolsonaro sobre Temer: "Justiça nasceu para todos"
2 Temer entra com pedido de habeas corpus no TRF-2

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.