Leia também:
X Marco Aurélio contraria falas de Barroso sobre Forças Armadas

Médico morre enquanto viajava para lua de mel nas Maldivas

Glauto Tuquarre sentiu dores no peito durante um voo para Doha e chegou a ser atendido, mas não resistiu

Paulo Moura - 25/04/2022 14h07 | atualizado em 25/04/2022 14h39

Oncologista Glauto Tuquarre ao lado da esposa Lícia Tuquarre Foto: Arquivo Pessoal

O oncologista Glauto Tuquarre, de 49 anos, morreu na madrugada desta segunda-feira (25) durante um voo internacional que seguia para a cidade de Doha, no Catar. Glauco estava em viagem com a esposa, a publicitária Lícia Tuquarre, de 36 anos, para a lua de mel do casal nas Ilhas Maldivas. A suspeita dos familiares é de que ele tenha sofrido um infarto.

Glauto e Lícia se casaram no sábado (23), em Teresina, capital do Piauí. No domingo (24), os dois embarcaram em São Paulo em um avião que seguiria até Doha, uma conexão que estava prevista na viagem que teria como destino final as Ilhas Maldivas. Dentro do avião, Glauto começou a sentir dores no peito. Ele recebeu assistência de médicos que estavam a bordo, mas não resistiu.

O avião pousou em Doha por volta das 10h20 desta segunda, pelo horário de Brasília. Familiares e amigos piauienses do oncologista se mobilizam para ajudar a esposa a trazer o corpo do médico de volta para o Brasil. Entretanto, ainda não há detalhes de quando essa transferência deve acontecer.

Amazonense, Glauto Tuquarre era especializado em oncologia, tinha mestrado em câncer de intestino, e era doutorando em recidiva do câncer de mama (retorno da doença após o paciente ser considerado curado). Considerado um médico experiente, ele atuou em Roraima e no Maranhão, onde também foi professor universitário.

Leia também1 Guedes testa positivo para Covid e mantém reuniões virtuais
2 STF considera melhor 'jogar para frente' decisão sobre indulto
3 Volodymyr Zelensky diz querer "armas em vez de presentes"
4 Brasil pode virar uma autocracia com Lula ou Bolsonaro, diz Moro
5 Lula parabeniza Macron por vitória nas eleições da França

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.