Leia também:
X Pazuello responsabiliza governo do AM por crise de oxigênio

Maranhão registra primeiro caso da variante indiana no Brasil

Paciente possui 54 anos e estava a bordo de um navio no litoral do estado

Thamirys Andrade - 20/05/2021 12h19 | atualizado em 20/05/2021 12h54

coronavirus covid-19-5009609_1280
Cepa indiana apresenta características de alta transmissibilidade Foto: Pixabay

Apontada como variante de preocupação global pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a cepa indiana da Covid-19 foi registrada pela primeira vez no Brasil.

O governo do Maranhão comunicou nesta quinta-feira (20) que a mutação B.1.617 foi identificada em um paciente indiano de 54 anos, que estava a bordo do navio MV Shandong Zhi, no litoral do estado.

Segundo o secretário da Saúde do Maranhão, Carlos Lula, o homem relatou os primeiros sintomas da doença em 4 de maio. Após evolução do quadro, ele foi levado de helicóptero até um hospital privado da rede São Luís, na sexta-feira (14).

Toda a tripulação do navio se encontra isolada e não possui permissão para desembarcar em terras maranhenses. Ainda conforme o secretário, 100 pessoas que tiveram contato com os tripulantes serão testadas, acompanhadas e cumprirão quarentena.

O Instituto Evandro Chagas realizou o sequenciamento genômico de 6 das 15 amostras estudadas. Todas confirmaram a variante B.1.617. A nova cepa preocupa a OMS por apresentar características que indicam alta transmissibilidade.

Leia também1 Vacinados contra a Covid-19 no Brasil chegam a 40,3 milhões
2 SC: Bebê nasce com anticorpos contra Covid, dizem médicos
3 Covid: Empresa chinesa CanSino pede uso emergencial de vacina
4 Projeto de lei no Rio quer liberar vacinados de usar máscara
5 Bolívia estuda soro de plasma de burros para tratar Covid-19

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.