Leia também:
X Governo está modernizando normas ambientais, diz Salles

Malafaia é denunciado por grupo LGBT e rebate: ‘Otários’

Ativistas acusaram o pastor de incitar o ódio contra a comunidade trans

Rafael Ramos - 30/07/2020 15h57

Silas Malafaia rebate acusações de entidade LGBT Foto: Agência Brasil/Arquivo

A Aliança Nacional LGBTI apresentou queixa-crime, nesta quinta-feira (30), contra o pastor Silas Malafaia acusando o religioso de cometer crime de injúria qualificada e transfobia. Malafaia foi um dos que lideraram o boicote à Natura após a empresa escolher Thammy Miranda como garoto propaganda do Dia dos Pais.

Nas redes socais, o ativista Agripino Magalhães disse que a atitude do pastor “é uma incitação ao ódio contra a população de transgêneros, que muitas vezes precisa ter coragem para fazer a transição”. Em tom irônico, Malafaia agradeceu “por toda a promoção” e chamou seus acusadores de palhaços.

– Associação LGBT vai entrar na justiça contra mim por transfobia. Estou cheio de medo desses palhaços. Essa gente odeia liberdade de expressão. Liberdade de expressão para eles é apoiar todo tipo de lixo moral que eles apoiam.

O líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo ainda desafiou a entidade a processar todos os internautas que compartilharam os memes gerados após a decisão da Natura. Malafaia disse que eles vão precisar de muito dinheiro “para contratar tantos advogados e processar milhões de pessoas”.

– Estou aguardando o processo de vocês, cambada de otários! – provocou o pastor, que ainda destacou a Hinode como exemplo de campanha de Dia dos Pais.

Pastor parabenizou campanha da Hinode Foto: Reprodução

Leia também1 Malafaia ironiza Felipe Neto, garoto-propaganda da Natura
2 Gay e conservador, Netinho detona LGBTs e carnaval
3 Eduardo a Thammy: "Ideologia não está acima da ciência'
4 Eduardo Bolsonaro e Malafaia reforçam boicote à Natura
5 Thammy não irá aparecer em comercial de pais da Natura

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.