Leia também:
X Alckmin será o coordenador da transição do novo governo Lula

Malafaia: “Crentes que votaram em Lula vão pagar o preço”

Pelo menos 7 milhões de evangélicos votaram no candidato eleito, segundo o pastor

Leiliane Lopes - 01/11/2022 14h30 | atualizado em 01/11/2022 16h19

Pastor Silas Malafaia prega na ADVEC Reprodução Youtube

O pastor presidente da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC) divulgou nos canais oficiais da igreja nesta terça-feira (1º) que pelo menos 7 milhões de evangélicos votaram pela eleição de Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

No texto, o religioso diz que há a permissão de Deus para o resultado das urnas e que a Igreja seguirá caminhando em marcha triunfante.

Ainda assim, ele entende que os evangélicos que elegeram Lula também pagarão o preço.

– Se tem um tempo onde a Igreja cresce, são nos tempos difíceis. É só olhar a história e a Bíblia que chegamos a essa conclusão. Deus permite coisas em uma nação para ensinar o seu povo, exercer juízo sobre os povos. A mentira dessa gente tem que ser provada de alguma forma, mesmo que seja através do sofrimento. Com progresso ou sofrimento, a Igreja segue caminhando em sua marcha triunfante. O meu povo perece por falta de conhecimento. Perto de 7 milhões de crentes votaram em Lula (aproximadamente 20% dos votos dos evangélicos), ele venceu com 2 milhões de votos. O povo de Deus também vai pagar o preço – diz Malafaia.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por ADVEC | Igreja da Palavra (@advecoficial)

Leia também1 Bolsonaro fará pronunciamento nesta terça-feira, diz Record
2 Apoiadora de Bolsonaro, Carla Cecato é demitida da Jovem Pan
3 Dilma não será ministra e deve assumir cargo fora do Brasil
4 MTST convoca militantes de todo o país para desbloquear estradas
5 Governo Lula deve ter mais 10 ministérios para inserir aliados

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.