Leia também:
X Justiça decreta prisão de Gabriel Monteiro por estupro

José Genoino promete retaliação contra igrejas no governo do PT

Ele fala em combater os evangélicos no campo das ideias e acabar com "figuras toscas fundamentalistas"

Leiliane Lopes - 07/11/2022 19h02 | atualizado em 07/11/2022 19h31

José Genoino em entrevista ao DCM TV Foto: Reprodução

O ex-deputado José Genoino foi entrevistado pelo canal Diário do Centro do Mundo (DCM), ligado à esquerda, e foi questionado pela apresentadora sobre como o governo Lula pretende tratar com as igrejas evangélicas.

A entrevistadora Sara Vivacqua chamou as igrejas neopentecostais de “máquinas de lavagem cerebral” e de “quinto poder” e questionou se não é preciso regular as igrejas.

A resposta do petista, que foi preso pelo processo do mensalão, foi de falar sobre o fim da isenção de impostos para as igrejas, de trabalhar na base para mudar a posição dos fiéis e então tratar com os líderes.

– Com relação a essas igrejas nós precisamos atuar de baixo para cima e não repetir o erro que cometemos quando governamos, de atuar com as cúpulas – disse Genoino.

Ele declarou ainda que é preciso ter muita habilidade para que o governo Lula não seja acusado de perseguir os cristãos.

– Nós vamos ter que atuar com muita habilidade para que eles não digam que nós estamos perseguindo as igrejas. (…) Eles querem fazer o maniqueísmo da guerra santa. Nós vamos ter que fazer uma batalha no plano das ideias para só depois chegar aos finalmentes – completou.

Assista:

 

Leia também1 Justiça decreta prisão de Gabriel Monteiro por estupro
2 PT discute mecanismos para driblar teto e garantir promessas
3 Manifestantes têm carros pichados de “Lula” na Bahia
4 Povo faz campanha e Exército ganha 6 milhões de seguidores
5 Lewis Hamilton recebe título de cidadão honorário brasileiro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.