Leia também:
X Noblat tenta lacrar com enquete, mas Bolsonaro vence por muito

Jornal O Globo premia TSE como “Personalidade do Ano”

De acordo com o veículo, "a Justiça Eleitoral atingiu a maturidade"

Monique Mello - 28/05/2022 15h37

Fachada do edifício sede do TSE Foto: Marcelo Casal Jr. / Agência Brasil

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) foi escolhido Personalidade 2021 pelo Prêmio Faz Diferença, que é promovido pelo Jornal O Globo em parceria com a Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan).

Em anúncio publicado neste sábado (28), o veículo declarou que a “Justiça Eleitoral atingiu a maturidade buscando constante renovação e aperfeiçoamento para salvaguardar o voto e a democracia”. O TSE foi premiado enquanto órgão máximo dessa instituição.

Na justificativa para o prêmio, foram ressaltados os testes de segurança das urnas eletrônicas, bem como a luta do órgão contra disparos em massa e fake news. Foi citada também a recente campanha para estimular os jovens a obter ou regularizar o título de eleitor – campanha fomentada por muitos artistas, como Anitta, por exemplo.

O número de jovens de 16, 17 e 18 anos que tiraram título de eleitor apresentou aumento este ano: 2 milhões, 47% a mais do que em 2018.

De acordo com a premiação, o ministro Edson Fachin, atual presidente do TSE, “tem vocalizado, nos últimos meses, o propósito da Corte de preservar o sistema eleitoral brasileiro de ataques não só físicos, mas também da desinformação que coloca em dúvida, sem provas, a confiabilidade da escolha de representantes pelo voto”.

– O compromisso da Justiça Eleitoral é com a democracia e com o povo brasileiro, trabalhando incansavelmente pela realização de eleições de paz e segurança, limpas, seguras e transparentes, que reflitam a vontade do povo brasileiro – afirmou Fachin.

A banca de jurados foi composta por Alan Gripp (diretor de Redação do Globo); Ancelmo Gois, Lauro Jardim, Merval Pereira, Míriam Leitão (colunistas); e Luiz Caetano Alves (presidente em exercício da Firjan).

 

Leia também1 Lula diz que Bolsonaro não deve ter dormido após Datafolha
2 Bolsonaro desbanca Lula em São Paulo, diz Paraná Pesquisa
3 Bolsonaro diz que Fachin "soltou Lula para ser eleito presidente"
4 Resultado das urnas não será questionado com Exército na rua, diz Mourão
5 Fachin diz que acatar o resultado da eleição é "inegociável"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.