Leia também:
X Hacker que teria invadido celular de Moro já foi preso

Jean Wyllys acusa Polícia Federal de “fabricar hacker”

Ex-deputado criticou ação da PF que prendeu quatro pessoas acusadas de hackear autoridades

Gabriela Doria - 24/07/2019 09h28

Jean Wyllys colocou em dúvida a operação da PF Foto: Reprodução

Logo após o início da Operação Spoofing, na qual a Polícia Federal prendeu quatro homens suspeitos de invadir o celular do ministro Sergio Moro e outras autoridades, o ex-deputado Jean Wyllys foi às redes para criticar a PF.

O psolista, que é próximo de Glenn Greenwald e seu marido, o deputado federal David Miranda, colocou em dúvida a operação.

– Eu não sei o que é mais ridículo: a operação da PF que fabricou um “hacker” em Araraquara para criar cortina de fumaça em relação aos crimes de Moro denunciados por The Intercept ou a cobertura do Jornal O Globo sobre o caso. Que vergonha! – escreveu Jean.

O principal articulador dos vazamentos também se manifestou nas redes. O jornalista Glenn Greenwald, editor do The Intercept, alfinetou a PF sobre o caso Queiroz.

– Não é interessante que a PF tenha supostamente encontrado um grupo do que Moro alegou serem hackers altamente sofisticados tão rapidamente, mas ninguém consegue encontrar Queiroz? – questionou.

Antes disso, no entanto, Glenn afirmou que o trabalho do site continuará com “revelações bem interessantes”.

– Enquanto isso, estamos trabalhando muito, sozinhos e com nossos parceiros, para publicar mais revelações bem interessantes. Como dissemos desde o começo, nada pode impedir que a verdade seja reportado – afirmou.

Leia também1 Hacker que teria invadido celular de Moro já foi preso
2 Prisão de suspeito de hackear celulares surpreende família
3 PF prende 4 suspeitos de invadirem celular de Moro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.