CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Facebook remove 73 contas ligadas ao PSL e a Bolsonaro

Jair Bolsonaro lamenta morte de pastor por Covid-19

"A terra perde valoroso obreiro", disse o presidente

Gabriela Doria - 08/07/2020 18h03 | atualizado em 09/07/2020 09h25

Presidente Jair Bolsonaro lamentou a morte do pastor Sebastião Rodrigues de Souza, da Assembleia de Deus de Mato Grosso Foto: PR/Isac Nóbrega

O presidente Jair Bolsonaro lamentou a morte do pastor Sebastião Rodrigues de Souza, de 89 anos. O religioso, que era presidente da Assembleia de Deus de Mato Grosso, morreu por complicações da Covid-19 nesta quarta-feira (8).

Em nota divulgada pelo Palácio do Planalto, Bolsonaro cita o Salmo 116:15, que diz que “preciosa é, à vista do Senhor, a morte dos seus santos”. O presidente também decretou luto oficial.

– Hoje mais uma vez isto ocorreu com a partida para o Senhor do saudoso pastor Sebastião Rodrigues da Igreja Assembleia de Deus! A terra perde valoroso obreiro, mas o Senhor abraça um filho que venceu – disse o chefe do Executivo.

Bolsonaro também decretou condolências à família do religioso. O governo de Mato Grosso também emitiu nota de pesar e decretou luto oficial de 3 dias no estado.

A CPAD (Casa Publicadora das Assembleias de Deus) prestou uma homenagem ao pastor Souza por seu legado deixado. A instituição transmitiu a cerimônia de despedida em uma live em seu canal oficial do YouTube.

A Assembleia de Deus de Mato Grosso homenageou o religioso com uma carreata e uma cerimônia durante o velório.

LEIA NOTA DE PESAR NA ÍNTEGRA

No Salmo 116:15 lemos que “Preciosa é, à vista do Senhor, a morte dos seus santos”.

Hoje mais uma vez isto ocorreu com a partida para o Senhor do saudoso pastor Sebastião Rodrigues da Igreja Assembléia de Deus! A terra perde valoroso obreiro, mas o Senhor abraça um filho que venceu!

Meus sinceros sentimentos a toda comunidade cristã e à família do querido pastor Sebastião!

Oremos pelo conforto do Senhor na vida dos familiares!

COVID-19 NA FAMÍLIA
Presidente das Assembleias de Deus de Cuiabá (MT), o pastor Sebastião Rodrigues de Souza, de 89 anos, morreu nesta quarta-feira (8) por causa do novo coronavírus. Sebastião chegou a ser intubado, mas apresentou melhora do quadro clínico na terça-feira (7).

Pelo Facebook, a igreja lamentou a perda do pastor. A esposa dele, irmã Nilda de Paula Souza, de 85 anos, também foi internada por causa da Covid-19, mas recebeu alta na terça.

Sebastião veio a óbito dias após do falecimento de seu filho, o também pastor Rubens Siro de Souza, de 68 anos. Ele foi sepultado no dia 4 de julho. Vice-presidente da igreja ao lado do pai, Rubens era casado, pai de três filho e avô.

Além de presidirem a Assembleia de Deus, pai e filho estavam à frente da Convenção dos Ministros das Assembleias de Deus de Mato Grosso (COMADEMAT). Sebastião Rodrigues também era o primeiro vice-presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus do Brasil (CGADB).

Leia também1 Pastor morre de Covid-19 dias após perder o filho pra doença
2 Mulher desabafa: 'Peguei Covid-19 sem ter saído de casa'
3 Frias testa negativo para Covid e defende Bolsonaro
4 Jair Bolsonaro sonda três nomes evangélicos para o MEC
5 Justiça suspende decreto de reabertura do Distrito Federal

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo