#IdeologiaDeGeneroMata vai aos mais citados do Twitter

Internet reagiu após LGBTs irem ao Supremo Tribunal Federal

Pleno.News - 11/07/2019 14h03

Deputada Carla Zambelli se pronunciou no Twitter sobre o caso Foto: Reprodução

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação e a Associação Nacional de Juristas LGBT foram ao Supremo Tribunal Federal (STF) pedir autorização para continuar ensinando temas relacionados à ideologia de gênero nas escolas de ensino fundamental.

A internet reagiu e levou a #IdeologiaDeGeneroMata aos mais citados do Twitter, no Brasil, nesta quinta-feira (11). A deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) também aderiu à hastag e comentou o caso na rede social.

– Esquerdistas vão ao STF para derrubar lei municipal que proíbe ideologia de gênero nas escolas. Pedem ainda que o mérito se estenda a nível nacional. No tapetão? De novo? Não esqueci o menino Rhuan! E não esquecerei o silêncio “ensurdecedor da imprensa”.

O objetivo da ação é derrubar uma lei municipal de Londrina, no Paraná, que proíbe este tipo de conteúdo nos colégios. O ministro Luís Roberto Barroso foi sorteado para ser o relator do caso.

LEIA TAMBÉM+ LGBTs vão ao STF para manter ensino da ideologia de gênero
+ Ministério da Educação prevê 108 escolas militares até 2023
+ Damares Alves acompanha denúncia de abuso em creche


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo