CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Bretas manda recado a Witzel: “Justiça é isenta e imparcial”

Homem agride repórter da TV Globo e quebra equipamentos

Cinegrafista fraturou a mão

Gabriela Doria - 20/05/2020 18h15 | atualizado em 20/05/2020 20h18

Cinegrafista foi agredido ao gravar reportagem, em Barbacena Foto: Reprodução

O cinegrafista Robson Panzera, da TV Integração, afiliada da Rede Globo em Barbacena, em Minas Gerais, foi agredido, xingado e teve equipamentos quebrados durante a gravação de uma reportagem. As agressões foram filmadas pela repórter Thais Fulin.

Panzera fazia imagens da Escola Preparatória de Cadetes do Ar (Epcar) quando um homem, identificado como Leonardo Rivelli, se aproximou com ofensas à equipe de jornalismo e tentou pegar a câmera. O cinegrafista impediu o gesto e protegeu o equipamento. Neste momento, ele sofreu uma série socos, pontapés e empurrões.

Rivelli chegou a usar o tripé para agredir o repórter, causando uma fratura na mão de Robson. A todo momento ele gritava “Globo lixo!”.

A polícia prendeu o agressor em flagrante. Já o repórter foi encaminhado para atendimento médico.

A reportagem que a equipe tentava gravar era sobre uma denúncia de que sete membros da Epcar estariam contaminados pela Covid-19.

Leia também1 Mais um profissional da Globo é pego furando a quarentena
2 Globo "erra" e infla número de mortos por Covid-19 no RJ
3 Bocardi questiona dados da Covid e critica imprensa

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo