George Soros financia estudos de Jean Wyllys em Harvard

Ex-deputado é bolsista de organização fundada pelo bilionário húngaro

Paulo Moura - 11/09/2019 10h56

Jean Wyllys está sendo financiado por bilionário esquerdista Foto: Reprodução

O ex-deputado federal, Jean Wyllys, vai começar uma residência na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, para aprofundar uma pesquisa sobre fake news que foi iniciada pela organização Open Society Foundation. A fundação é de um conhecido investidor em pautas de esquerda, o bilionário húngaro George Soros.

Jean já havia dito em entrevista à revista GQ, do Grupo Globo, que recebia uma bolsa da Open Society para financiar sua pesquisa.

– Sou bolsista da Open Society Foundation, que financia os meus estudos sobre a articulação das fake news com discursos de ódio, e faço muitas conferências a convite deles – disse.

O bilionário húngaro, ainda pouco conhecido no Brasil, é famoso no cenário internacional por apoiar diversas ações de cunho esquerdista. Entre as mais famosas, está a injeção de 27 milhões de dólares em 2004, para tentar evitar a eleição do republicano George W. Bush à presidência dos Estados Unidos. Além disso, a imagem dele está vinculada ao apoio a veículos de imprensa contrários ao presidente Donald Trump, como o New York Times e o Washington Post.

LEIA TAMBÉM+ George Soros financia ativista protetora de Greta Thunberg
+ Jean Wyllys ataca Simone e Simaria: 'Hipócritas e racistas'
+ Jean Wyllys: 'Vou sentar a mão na cara de quem me xingar'


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo