Leia também:
X Lira cria comissão para tratar da prisão de parlamentares

Fundador da Embraer, Ozires Silva é homenageado nos EUA

Ele se tornou o primeiro brasileiro a receber a medalha Guggenheim

Pleno.News - 19/02/2021 19h27 | atualizado em 19/02/2021 19h29

Fundador da Embraer, Ozires Silva Foto: Divulgação

Um dos fundadores da Embraer, o engenheiro Ozires Silva se tornou o primeiro brasileiro a receber a medalha Guggenheim, concedida pelo Instituto Americano de Aeronáutica e Astronáutica (AIAA, na sigla em inglês) e uma das mais importantes condecorações de engenharia aeronáutica do mundo.

A homenagem a Ozires, que completou 90 anos em janeiro, foi anunciada na quinta-feira (18), em um comunicado emitido pela AIAA.

Criada em 1929, a medalha Daniel Guggenheim reconhece pessoas que tiveram conquistas notáveis no campo aeronáutico. A nomeação é realizada por um conselho de especialistas da AIAA, da American Society of Mechanical Engineers (Sociedade Americana de Engenheiros Mecânicos), da SAE International (Sociedade de Engenheiros Automotivos) e da Vertical Flight Society (Sociedade do Vôo Vertical, que impulsiona o desenvolvimento do carro voador).

Entre os já homenageados com a medalha estão William Boeing, fundador da Boeing, e Orville Wright, tido nos Estados Unidos como um dos inventores do avião, ao lado de seu irmão Wilbur. Eles foram reconhecidos em 1934 e 1929, respectivamente.

Em sua última entrevista concedida ao Estadão, em janeiro, Ozires afirmou que a sociedade precisa produzir “profissionais capacitados, corajosos e com espírito empreendedor” para que novas companhias com potencial inovador, como a Embraer, surjam no País. Para isso, disse ele, é necessário investimento em educação.

– Se houvesse mais instituições educacionais do nível do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), em outras áreas de conhecimento, certamente os cidadãos realizariam maiores proezas no desenvolvimento de empresas e do país – afirmou por e-mail.

Ainda em janeiro, a Embraer homenageou Ozires com um curta-metragem de animação. Com duração de 14 minutos, o vídeo O Voo do Impossível retrata a história do engenheiro aeronauta que liderou a criação do Bandeirante, avião turboélice cujo desenvolvimento foi iniciado em 1965 e que acabou dando origem à fabricante brasileira de aeronaves.

*Estadão

Leia também1 Embraer e EDP Brasil se unem para desenvolver avião elétrico
2 Embraer abre processo contra Boeing após fim de acordo
3 Cade aprova compra de parte da Embraer pela Boeing
4 Bolsonaro comenta interesse da Ucrânia em aviões do Brasil
5 Embraer recebe um novo nome na aviação comercial

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.