Leia também:
X ‘Tenho me manifestado pela vida e contra a morte’, diz Damares

Fiocruz prevê primeiras doses da vacina de Oxford para fevereiro

AstraZeneca é o único laboratório com contrato assinado com o Brasil

Gabriela Doria - 30/12/2020 22h33

Fiocruz e AstraZeneca estabeleceram parceria para fabricar vacina de Oxford Foto: Reprodução

As primeiras doses da vacina de Oxford, desenvolvida pela farmacêutica AstraZeneca em parceria com a Fiocruz, devem ficar prontas no Brasil entre os dias 8 e 12 de fevereiro de 2021. A produção está prevista para começar a partir de 20 de janeiro, depois que o país receber os insumos do laboratório.

Estima-se que em 8 de fevereiro sejam entregues 1 milhão de doses. Nas semanas seguintes, a produção deve aumentar até que chegue a 700 mil doses por dia, atendendo ao Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde.

Entre março e julho, a produção deve chegar a 70,4 milhões de doses. A previsão é de que só a partir de agosto o país consiga a produção 100% nacional da vacina, encerrando o semestre com a entrega de 100 milhões de doses, segundo o calendário da Fiocruz.

A vacina de Oxford é a única até o momento com contrato assinado com o Brasil, e tem sido priorizada pelo governo federal.

– Estamos em processo de submissão contínua de dados com a Anvisa, realizando, desde setembro, reuniões periódicas com a agência. Já enviamos todos os pacotes de dados sobre a vacina. Falta, agora, o último pacote de informações, que pretendemos enviar até o dia 15 de janeiro – disse o vice-presidente de inovações da Fiocruz, Marco Krieger.

Leia também1 Gestão Doria diz que já comprou 71 milhões de seringas e agulhas
2 Após recusar pedidos do STF e STJ, Fiocruz nega vacinas ao TST
3 Argentina aprova vacina de Oxford em caráter emergencial
4 Covid: Enfermeiro testa positivo 6 dias após 1ª dose de vacina
5 Pfizer volta atrás e avalia uso emergencial de vacina no Brasil

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.