Leia também:
X STF já tem 4 votos para permitir reeleição de Maia e Alcolumbre

Filha de Flordelis vai para abrigo após denúncia de maus tratos

Adolescente de 14 anos teria se automutilado após ter sido chamada de "lixo" pela deputada federal

Paulo Moura - 04/12/2020 11h21 | atualizado em 04/12/2020 11h22

Testemunha disse que filha de Flordelis se automutilou após briga com a parlamentar Foto: Arquivo Pessoal

Uma das filhas adotivas da deputada federal Flordelis (PSD-RJ) foi levada para uma casa de acolhimento de menores em Niterói após decisão judicial motivada por denúncias de maus tratos contra a parlamentar. A decisão é da juíza Rhohemara dos Santos Carvalho, da Vara da Infância e Juventude de Niterói, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

A filha adotiva que foi levada para a casa de acolhimento é uma adolescente de 14 anos que teria se automutilado após uma briga com Flordelis. O episódio, que teria ocorrido há duas semanas, foi revelado na última sexta-feira (27) durante audiência no processo no qual Flordelis é ré acusada de ser mandante da morte do marido, o pastor Anderson do Carmo.

Durante seu depoimento, a empresária Regiane Rabelo afirmou que a menina feriu seu próprio braço com um estilete após ter sido chamada de lixo por Flordelis. Ainda durante a audiência, o assistente de acusação do processo, advogado Ângelo Máximo, apresentou fotos que Regiane afirma serem do braço de Ágatha ferido, com a frase “EU S LIXO”.

A menina de 14 anos ,que teria se automutilado, foi internada em um hospital em Niterói ainda na última semana. Em suas redes sociais, Flordelis afirmou que a menina foi hospitalizada para tratar de “problemas emocionais causados por mentiras”.

Também na audiência da última sexta, Regiane disse que outras seis crianças na casa sofrem maus tratos e acrescentou que atualmente as crianças e adolescentes passam fome na residência. A juíza Nearis dos Santos determinou o envio de cópia do depoimento de Regiane para a Vara de Infância e Juventude, além do Conselho Tutelar.

– Ela (Flordelis) trata as crianças como lixo. Teve até briga do arroz lá dentro, por comida. Estão comendo arroz com arroz – completou Regiane.

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.