Leia também:
X CCJ do Senado rejeita projeto que trata de jogos de azar

Feliciano fala sobre transexual em nova novela: ‘É modismo’

Aguinaldo Silva incluirá em sua próxima trama personagem que luta para realizar cirurgia sem precisar mudar o nome

Gabriela Doria - 07/03/2018 18h12 | atualizado em 09/03/2018 09h40

Feliciano disse que frequência de personagens transexuais em novelas é modismo Foto: Arte/Pleno.News

Após a polêmica da personagem transexual Ivana, em A Força do Querer, o autor de novelas Aguinaldo Silva anunciou que também vai abordar o tema em sua próxima trama, O Sétimo Guardião. Segundo o escritor, o personagem do folhetim lutará para mudar fisicamente de sexo sem ter que alterar seu nome.

Em entrevista ao Pleno.News, o deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP), conhecido pela defesa dos direitos da família, comentou a escolha do roteirista.

– É modismo. Afinal, isso dá ibope. E, como bom autor de novelas, Aguinaldo Silva, declaradamente homossexual, ama polêmicas – destacou o deputado.

Apesar do tema, Feliciano apontou que é uma oportunidade para demonstrar a contradição da questão.

– Acho oportuna essa abordagem para demonstrar o contraditório. Não posso deixar de observar porque, em quase todas as novelas, as emissoras fazem questão de trazer o assunto da transexualidade, como se tratasse da maioria na sociedade algo que sempre foi considerado minoria, digna de todo respeito, é claro – defendeu o parlamentar.

Feliciano também destacou que a frequente abordagem do tema faz parte de uma tentativa de desconstrução dos valores judaico-cristãos.

– Tudo isso faz parte de uma agenda global que visa a desconstrução do moral judaico-cristão, pilar de sustentação do ocidente. Sabendo que novelas formam opinião e ditam conceitos, esses engenheiros sociais tentam reinventar a sociedade – argumentou o deputado.

A novela O Sétimo Guardião está prevista para estrear na Rede Globo em novembro deste ano. Apesar da expectativa, o folhetim das nove, cujos direitos autorais são reivindicados por um ex-aluno de Aguinaldo, briga na Justiça para ir ao ar normalmente.

Siga-nos nas nossas redes!
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.