Leia também:
X Luiz Fux cria grupo com Wagner Moura para o caso Dom e Bruno

Fábio Faria diz que Musk vai monitorar a Amazônia ‘de graça’

Ministro se pronunciou para a Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara dos Deputados

Monique Mello - 15/06/2022 11h54 | atualizado em 15/06/2022 12h23

Bilionário Elon Musk e o ministro das Comunicações, Fábio Faria Foto: Clauber Cleber Caetano/PR

Nesta terça-feira (14), o ministro das Comunicações, Fábio Faria, falou sobre a possibilidade de Elon Musk monitorar a Amazônia de forma gratuita e doar conexão a escolas, tão logo conclua a instalação de infraestrutura terrestre para recepção de sinal.

– O ministério da Justiça paga R$ 40 milhões ao ano para a [empresa] Planet monitorar a Amazônia, de acordo com a Justiça. Se um empresário quiser dar, de graça, para o Brasil, a [custo] zero, em vez de pagarmos 40 milhões, a gente vai negar? – disse o ministro.

Faria foi convidado pela Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara dos Deputados para prestar esclarecimentos sobre o projeto de conectividade e monitoramento para a Amazônia, fruto de uma parceria entre o governo brasileiro e a Starlink.

O ministro cotou que Musk está investindo em infraestrutura terrestre para recepção do sinal para as escolas.

– Acredito que, assim que eles puderem operar lá, em agosto, ele deve doar escolas para o Brasil. Vai doar de graça algumas. O pessoal da SpaceX falou isso, que no dia que inaugurar a porta de entrada, ele vai conectar um monte de escolas já e vai doar para o governo brasileiro – afirmou.

Questionado por deputados de oposição, Faria considerou a parceria vantajosa para o país e disse que a vinda de Musk ao Brasil “não foi em vão” e o empresário está “bem-intencionado”.

Leia também1 Twitter dará acesso à "caixa preta" para Elon Musk, diz jornal
2 China vê ameaça em satélites de Musk e estuda como destruí-los
3 Musk: Número de funcionários da Tesla vai aumentar
4 'Bolsonaro teria disparado se não fosse a guerra e os combustíveis'
5 Luiz Fux cria grupo com Wagner Moura para o caso Dom e Bruno

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.