Leia também:
X Eduardo: “Aliança Pelo Brasil vai defender as famílias”

Ex-presidente do Paraguai é denunciado pela Lava Jato

Membros de um grupo criminoso que agia em países do Mercosul também foram indiciados

Rafael Ramos - 20/12/2019 15h54

Lava Jato denunciou ex-presidente do Paraguai, Horacio Cartes Foto: Reprodução

O ex-presidente do Paraguai, Horacio Cartes, foi denunciado à 7ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (19), pela força-tarefa da Lava Jato. Além de Horacio, os doleiros Dario Messer e Najun Turner também foram indiciados.

A denúncia foi feita a partir de apurações da Operação Patrón, que aprofundou as investigações da Lava Jato Rio nas operações ilícitas do grupo de Messer em países do Mercosul. A organização é acusada de lavagem de dinheiro e outros crimes desde os anos 2000. Messer estava foragido da Justiça e se aliou a doleiros de sua confiança no Brasil, Paraguai e Uruguai.

O ex-governador do Rio de Janeiro, Sergio Cabral, usou serviços do grupo criminoso no Uruguai para ocultar cifras milionárias oriundas de crimes no Palácio Guanabara e na Assembleia Legislativa. De acordo com a Procuradoria, “a organização comandada por Messer vinha praticando câmbio ilegal, evasão de divisas e lavagem de dinheiro a partir dos países de origem de seus integrantes”.

Leia também1 Ex-governador da Paraíba é preso na Operação Calvário
2 Bolsonaro diz que Witzel quer destruí-lo com caso Queiroz
3 Eduardo: "Aliança Pelo Brasil vai defender as famílias"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.