Leia também:
X Polícia termina de identificar corpos de atletas do Flamengo

Em vídeo, Bolsonaro cobra justiça por atentado sofrido

Presidente disse que Polícia Federal tem que apontar os mandantes do crime

Gabriela Doria - 10/02/2019 17h22 | atualizado em 11/02/2019 13h20

Jair Bolsonaro exigiu respostas da PF Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro publicou um vídeo diretamente do Hospital Albert Einstein falando sobre a tentativa de homicídio que sofreu e exigiu respostas da Polícia Federal.

– Espero da nossa querida Polícia Federal, a polícia que nos orgulha a todos, que tenha uma solução para o nosso caso nas próximas semanas. Esse crime, essa tentativa de homicídio, esse ato terrorista praticado por um ex-integrante do PSOL, não pode ficar impune. Nós queremos e gostaríamos que a PF indicasse, com dados concretos, quem foram os responsáveis por determinar que o Adélio cometesse aquele crime em Juiz de Fora – declarou o presidente.

Bolsonaro também comentou sobre sua saúde e defendeu melhorias no SUS.

– Estou completando a segunda semana no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Sabemos que pouca gente pode ter um tratamento como esse. Mas também temos plena consciência que o nosso SUS (Sistema Único de Saúde) pode melhorar muito e tudo faremos para que isso se torne realidade – garantiu Bolsonaro.

Ele finalizou o vídeo, agradecendo a seus aliados e à população.

– Quero agradecer aos ministros que, com muita competência, iniciativa e grande capacidade de se antecipar a problemas, têm nos ajudado a conduzir o Brasil de forma bastante convincente. Agradeço a todos, e em especial a você que está assistindo agora, pelo apoio, pela consideração e pelo carinho. Um forte abraço a todos e fiquem com Deus – desejou o presidente.

CAMINHADA PELO HOSPITAL
Neste domingo (10), Jair Bolsonaro caminhou mais do que o normal pelo hospital. Bem disposto, o presidente deu cinco voltas nos corredores. Ele se alimentou com creme de frutas e tomou chá.

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.