Leia também:
X Vídeo: Homem rouba celular e exige senha do aparelho

Em apoio a Bolsonaro, grupo judaico colhe assinaturas

Associação Sionista Brasil-Israel repudiou denuncia contra Jair Bolsonaro por racismo e criou abaixo-assinado

Henrique Gimenes - 18/04/2018 18h06 | atualizado em 18/04/2018 18h33

Associação Judaica criou abaixo-assinado em favor do deputado federal Jair Bolsonaro Foto: Agência Brasil/Fabio Rodrigues Pozzebom

Após denúncia feita pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-RJ) pelo crime de racismo na última semana, a Associação Sionista Brasil-Israel (ASBI) fez um abaixo-assinado em apoio ao parlamentar, que é pré-candidato à Presidência da República.

O abaixo-assinado em apoio a Bolsonaro foi criado na plataforma Change.org e conta, até o momento, com mais de oito mil assinaturas. No texto, a associação diz repudiar a denúncia apresentada pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, e ressalta que “como judeus, que sofremos toda espécie de discriminação e preconceito, queremos deixar patente que jamais estaríamos nos aliando ao deputado se ele fosse racista”.

A associação aponta que “Jair Bolsonaro é um grande amigo dos judeus de Israel” e pede assinaturas no abaixo-assinado para conseguir chegar a 10 mil.

O texto finaliza dizendo que “esta denúncia é completamente improcedente, velejando ela nos ventos panfletários, e ainda, sem o perceber, servindo o MPF (Ministério Público Federal) como ferramenta inconsciente do antagonismo político em ebulição, pela proximidade das eleições, nas quais a inesperada ascensão do deputado como preferido nas pesquisas eleitorais forja a atenção em torno de seu nome”.

Leia também1 PEN não pode desistir de ação sobre prisão após 2ª instância
2 Gleisi é criticada após apelar aos árabes para soltar Lula

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.