Leia também:
X Ciro: Cantores que declararam voto útil em Lula têm vida ganha

Universal acusa Boulos de fake news por imagem de templo

Propaganda de candidatos de esquerda foram fixadas em uma casa sem autorização

Leiliane Lopes - 21/09/2022 14h09 | atualizado em 21/09/2022 14h11

Publicação dá a entender que a Igreja Universal apoia candidatos de esquerda, o que é falso Foto: Reprodução Instagram

Pelas redes sociais, o candidato a deputado federal Guilherme Boulos, do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), postou a imagem de um templo da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) para comentar uma matéria que diz que o candidato à Presidência pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Lula, estaria crescendo entre as intenções de voto dos evangélicos.

A imagem utilizada, sem autorização, é de uma residência que recebe um Núcleo de Oração da Universal. Ao lado da placa que identifica o núcleo há um banner de apoio a Boulos e a outros políticos de esquerda.

Agora a IURD está acusando Boulos de propagar fake news, pois no entendimento da igreja a imagem publicada sugere um apoio da instituição aos candidatos que ela não está apoiando.

– Trata-se de outra tentativa vergonhosa de enganar os evangélicos – daquelas que têm se repetido com frequência nos últimos dias – diz a nota da igreja.

O imóvel está localizado no Bairro do Campo Limpo, na Zona Sul da capital paulista, e o cartaz exibido foi fixado por manifestantes que passaram pela região espalhando propaganda política.

– Eu moro aqui há mais de 30 anos. Cedi o meu espaço para a Igreja Universal fazer um Núcleo de Oração, para receber as pessoas que estão enfermas, estão doentes. Eu fui surpreendida, porque colocaram um banner na minha casa, de um candidato que eu nem conheço – revelou a dona do imóvel ao programa Entrelinhas.

– Eu defendo a família e não aceito esse tipo de coisa. Estou aqui revoltada, porque colocaram isso aqui sem a minha autorização, sem a autorização do meu esposo. Aqui, o bairro todo sabe que nós frequentamos a igreja; que somos cristãos e não aceitamos esse tipo de coisa na minha casa – completou a proprietária.

Essa é a quarta mentira consecutiva que a esquerda e sua imprensa militante espalham neste período eleitoral utilizando imagens não autorizadas da Igreja Universal do Reino de Deus.

Por causa disto, a denominação fundada pelo bispo Edir Macedo entrará com uma ação contra o PSOL na Justiça Eleitoral.

Leia também1 Fake News! Jornalista inventa apoio da Universal a Lula
2 Notificada pela Igreja Universal, Gleisi apaga post com fake news
3 Igreja Universal: "Lula finge que não aprendeu o que é facção"
4 Bispo Edir Macedo declara voto em Bolsonaro e Tarcísio
5 Frente pró-Lula não consegue atrair Serra e FHC no 1° turno

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.