Leia também:
X Anderson Torres deve retornar para pasta de Segurança do DF

Tribunais começam a agendar diplomação de eleitos

Diplomação de Luiz Inácio Lula da Silva ainda não foi agendada oficialmente

Pleno.News - 22/11/2022 11h37 | atualizado em 22/11/2022 12h00

Urna eletrônica Foto: Antonio Augusto / Ascom / TSE

Os Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) do país começaram a agendar a diplomação dos eleitos nos respectivos estados. No Distrito Federal, por exemplo, foi marcada para 19 de dezembro a cerimônia para governador, vice-governador, senadora, suplentes, deputados distritais e federais eleitos ou reeleitos.

A diplomação do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e seu vice Geraldo Alckmin (PSB) é responsabilidade do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ainda não foi agendada oficialmente.

A não oficialização da data deve-se ao fato de a prestação de contas da campanha de Lula no pleito deste ano ainda não ter sido avalizada pelo TSE. De acordo com o calendário eleitoral de 2022, encerrou-se no sábado, dia 19 de novembro, o prazo para a entrega do balanço final. O PT entregou as contas na sexta-feira (18), segundo o tribunal.

*AE

Leia também1 PRF registra 13 interdições e 5 bloqueios em rodovias do país
2 Amigo de Lula na transição está com direitos políticos suspensos
3 Pressão por nome de ministros é ansiedade do mercado, diz Gleisi
4 Dez presidentes da OAB questionam decisões de Moraes
5 PT acionará o TCU e o STF após áudio de Augusto Nardes

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.