Leia também:
X TRE determina retirada de fake de Márcio França contra Tarcísio

Presidente eleito poderá usar a Avenida Paulista no domingo

Grupos de direita e esquerda pediam autorização para acompanhar a apuração na via

Leiliane Lopes - 27/10/2022 19h22 | atualizado em 27/10/2022 19h43

Manifestação de 7 de setembro de 2021 na Avenida Paulista Foto: EFE

O presidente que for eleito no próximo domingo (30) poderá utilizar a Avenida Paulista para comemorar a vitória. É isso que determinou o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) nesta quinta-feira (27).

A decisão se refere a uma ação contra os apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PL) que estavam se organizando para acompanhar a apuração dos votos no cartão postal da capital paulista.

Seis grupos de direita tinham solicitado o uso da Paulista no próximo dia 30 a partir das 17h. Mas na última terça, o diretório estadual do Partido dos Trabalhadores também pediu para usar a avenida.

O juiz Randolfo Ferraz de Campos decidiu que a manifestação na Avenida Paulista ficará para o grupo político que ganhar as eleições.

– Decide-se no sentido de que, quanto à intenção de manifestação mediante ocupação da Avenida Paulista por entes ou movimentos na data de 30 de outubro, depois do horário de votação, deverá dar-se conforme estritamente o resultado da eleição – diz a decisão judicial.

O juiz declarou que já havia um entendimento anterior, no primeiro turno, para que o vencedor utilizasse a Avenida Paulista. Sendo assim, a decisão de agora deveria seguir a mesma linha.

– A manifestação, como regra, dá-se pelo conjunto de pessoas, num pleito eleitoral, aderentes ao seu resultado conforme ideia básica de que se destina a comemorá-lo – escreveu o juiz.

Leia também1 'Teremos uma das eleições mais importantes do nosso Brasil'
2 TSE e rádios: Servidora é casada com ex-assessor de Moraes
3 Idoso fica com mão presa no metrô, é arrastado e morre
4 Datafolha divulga penúltima pesquisa eleitoral do 2º turno
5 Dona de rádio diz que contactou TSE, mas não obteve resposta

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.