Leia também:
X Ex-ministro Marco Aurélio Mello reforça voto em Bolsonaro

Prefeitos de Manaus e Sorocaba anunciam apoio a Bolsonaro

"Eu comungo dos pensamentos dele", disse David Almeida, do partido Avante

Pleno.News - 10/10/2022 14h42 | atualizado em 10/10/2022 15h23

Bolsonaro recebeu o prefeito de Manaus no DF Foto: Reprodução/Youtube Poder 360

Nesta segunda-feira (10), o presidente Jair Bolsonaro (PL) recebeu no Palácio da Alvorada o prefeito da capital do Amazonas, David Almeida (Avante), que apoia sua candidatura à reeleição. De acordo com Almeida, ele e Bolsonaro compartilham dos mesmos princípios.

– Eu já caminho com o presidente Bolsonaro desde 2015. Eu comungo dos pensamentos dele, eu sou cristão evangélico desde que nasci e defendo todos os princípios. O Avante caminha de um lado diferente, mas eu tenho a minha autonomia dentro do partido – afirmou o prefeito de Manaus.

Ao lado de Almeida, o chefe do Executivo afirmou que a Zona Franca de Manaus será preservada em um eventual segundo mandato.

– Tudo resolvido, sem problema – respondeu Bolsonaro ao ser questionado se havia acordo em relação ao Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI).

– A Zona Franca será preservada, como sempre foi, em nosso governo – disse o presidente.

O prefeito de Manaus, por sua vez, disse que obteve “todas as respostas” que precisava. No Amazonas, o governador Wilson Lima (União Brasil), que também apoia o chefe do Executivo, disputa o segundo turno contra o senador Eduardo Braga (MDB), aliado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Em 16 de setembro, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), revogou uma medida cautelar que havia suspendido, em maio, a redução da cobrança do IPI sobre bens produzidos na Zona Franca. Com isso, voltou a valer o decreto de Bolsonaro que permitiu a redução do imposto apenas para produtos que não concorram com os da Zona Franca, que já têm isenção tributária.

OUTROS APOIOS
Bolsonaro também recebeu nesta segunda (10) o prefeito de Sorocaba (SP), Rodrigo Manga (Republicanos), para reforçar sua campanha pela reeleição. O chefe do Executivo tem se reunido desde a semana passada com uma série de parlamentares, governadores e prefeitos que o apoiam. O Alvorada, residência oficial do presidente, foi escolhido como ponto de encontro.

Na sexta (7), Bolsonaro recebeu o apoio do prefeito de Maceió, JHC, que deixou o PSB para se filiar ao PL, legenda que abriga o presidente. No Alvorada, o prefeito disse esperar uma melhora do desempenho do chefe do Executivo em Alagoas no segundo turno contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). JHC, que pretende fazer campanha para o candidato à reeleição, é aliado do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP), que também apoia Bolsonaro.

Ao longo da semana passada, a primeira do segundo turno, Bolsonaro recebeu o apoio de governadores do Sudeste, como Romeu Zema (Novo), de Minas Gerais, Cláudio Castro (PL), do Rio de Janeiro, e Rodrigo Garcia (PSDB), de São Paulo.

Do Centro-Oeste, foram visitar o presidente no Alvorada os governadores do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), de Goiás, Ronaldo Caiado (União Brasil), e de Mato Grosso, Mauro Mendes (União Brasil). Da região Norte, Bolsonaro foi apoiado pelos governadores de Roraima, Antonio Denarium (PP), do Acre, Gladson Cameli (PP), de Rondônia, Marcos Rocha (União Brasil), além de Wilson Lima, do Amazonas.

*AE

Leia também1 Após visitar Bolsonaro, Datena janta com Lula em São Paulo
2 Pai da dupla Henrique e Juliano diz que ora por Jair Bolsonaro
3 BA: Vice-governador afirma que tomou juízo e apoia Bolsonaro
4 Jair Bolsonaro faz apelo sobre segundo turno: "Não se omita"
5 Gustavo Cerbasi declara apoio a Bolsonaro: “Equipe honesta”

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.