Leia também:
X 2023: Bancada Evangélica terá pelo menos 115 nomes

Pedido de CPI das Pesquisas alcança assinaturas necessárias

Medida conseguiu o apoio de 27 senadores

Henrique Gimenes - 05/10/2022 21h06 | atualizado em 06/10/2022 11h15

Senador Marcos do Val é autor do pedido de abertura da CPI Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Nesta quarta-feira (5), o pedido de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar as pesquisas eleitorais alcançou o número mínimo de assinaturas necessárias. Com o apoio de 27 senadores, o colegiado agora poderá ser instalado pelo Senado.

A ideia da CPI é “aferir as causas das expressivas discrepâncias” entre os resultados das pesquisas de intenção de votos e os resultados das urnas das eleições do último domingo (2).

Ao site Metrópoles, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), afirmou que ainda irá analisar o mérito do pedido.

– O requerimento terá o tratamento dado a todo pedido de CPI. A avaliação dos requisitos e o encaminhamento dentro da normalidade do regimento. Não avaliei o mérito ainda, o requerimento ainda não foi formalizado com as assinaturas suficientes – apontou.

O pedido de criação da CPI foi protocolado pelo senador Marcos do Val (Podemos-ES).

Leia também1 2023: Bancada Evangélica terá pelo menos 115 nomes
2 União Brasil libera filiados para apoio a Bolsonaro ou a Lula
3 Ana Paula Valadão declara apoio a Jair Bolsonaro: "Princípios"
4 MDB de SP decide apoiar Tarcísio de Freitas no segundo turno
5 Para derrotar Lula, Bolsonaro quer apoio de senadores eleitos

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.