Leia também:
X Kassio suspende julgamento da portaria de controle de armas

Michel Temer diz que não irá concorrer à Presidência em 2022

Ex-presidente voltou aos holofotes após intervir na crise entre os Poderes Executivo e Judiciário

Gabriela Doria - 18/09/2021 11h16 | atualizado em 18/09/2021 11h19

Ex-presidente Michel Temer afastou possibilidade de disputar a Presidência Foto: PR/Alan Santos

O ex-presidente Michel Temer (MDB) afastou qualquer possibilidade de se candidatar à Presidência da República nas eleições do ano que vem. Em declaração à coluna de Guilherme Amado, do portal Metrópoles, o veterano afirmou que sua missão como presidente já foi cumprida.

– Não vou ser candidato ao Planalto em 2022 – disse.

O assunto voltou à tona após a intervenção de Temer na crise institucional que se abateu entre o governo Jair Bolsonaro e o poder Judiciário. Temer foi responsável por redigir a carta em que Bolsonaro se mostra disposto a dialogar com outras autoridades e defende a democracia.

Também foi Michel Temer quem intermediou uma conversa entre o presidente e o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). O contato serviu para esfriar os ânimos entre os dois, já que ambos têm travado embates públicos, sobretudo por decisões de Moraes que vêm contrariando os planos do presidente.

Ainda assim, o ex-presidente afirmou que vem sendo estimulado por aliados a concorrer ao Senado Federal – possibilidade sobre a qual ainda não se decidiu.

Leia também1 Kassio suspende julgamento da portaria de controle de armas
2 OAB repudia ataque com bomba ao Consulado da China no RJ
3 Fachin quer novo parecer da PGR sobre denúncia contra Lira
4 "Lira comete grande omissão ao não pautar impeachment"
5 Bolsonaro elogia Zema: "Não podemos aceitar a esquerda"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.