Leia também:
X Web critica escola infantil por coreografia com teor erótico

Eleições de 2022 geram atritos entre Boulos e PT em São Paulo

Partido não quer diálogo com o líder do MTST

Pleno.News - 11/10/2021 15h50 | atualizado em 11/10/2021 16h32

Guilherme Boulos Foto: Henrique Barreto/Futura Press/Folhapress

A disputa pelo governo de São Paulo provocou atritos entre o Partido dos Trabalhadores e o líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos, do PSOl. De acordo com a coluna de Guilherme Amado, do site Metrópoles, a cúpula do PT no estado não quer diálogo com Boulos por considerar que ele precipitou o debate sobre a eleição para governador de São Paulo.

De acordo com o veículo, a atitude do líder do MTST teria obrigado o PT a antecipar a candidatura do ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, ao governo do estado.

Dirigentes do partido também teriam criticado Boulos por ele tentar se eleger para cargos importantes em um período de quatro anos, já que disputou a Presidência em 2018 e a Prefeitura de São Paulo em 2020 e ainda tentará o governo paulista em 2022.

Leia também1 Freixo e presidente da OAB se reúnem com Lula por apoio no RJ
2 Espera por sabatina de André Mendonça completa 90 dias
3 Idoso rouba ambulância para “dar uma volta” em São Paulo
4 Foro de SP: Narcotráfico teria financiado partidos de esquerda latinos e europeus
5 "Bolsonaro será julgado na urna, que é onde tem que ser julgado"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.