Leia também:
X Mourão sobre protestos: “Agora não adianta mais chorar”

Eleições: Bolsonaro venceu na Venezuela, Bolívia e Nicarágua

Presidente teve votações expressivas em países governados por aliados de Lula

Paulo Moura - 02/11/2022 15h18 | atualizado em 03/11/2022 11h28

Presidente Jair Bolsonaro Foto: Isac Nóbrega/PR

Além de ter vencido em 14 unidades federativas do Brasil, o presidente Jair Bolsonaro (PL) também se saiu melhor contra o ex-presidente Lula (PT) em diversos países ao redor do mundo, com destaque para três que são governados por aliados do petista: Venezuela, Bolívia e Nicarágua.

No país governado por Nicolás Maduro, apenas seis pessoas votaram nas eleições para presidente do Brasil. De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), todas elas optaram por Bolsonaro, ou seja, o atual líder conquistou 100% da preferência dos eleitores brasileiros na Venezuela.

Já na Bolívia, governada por Luis Arce, outro aliado de Lula, Bolsonaro também teve um resultado expressivo. Ao todo, o líder brasileiro recebeu 1.165 votos no país, o equivalente a 78,82% dos eleitores que optaram por algum dos dois nomes da disputa presidencial brasileira. Lula, por sua vez, teve apenas 313 votos, o equivalente a 21,18%.

Na Nicarágua, país que é administrado pelo ditador Daniel Ortega, amigo de longa data do presidente eleito do Brasil, Bolsonaro se sagrou vencedor por uma diferença de quatro votos. Entre as 72 pessoas que votaram no último domingo, 38 (52,78%) optaram pelo atual presidente e 34 (47,22%) escolheram Lula.

Leia também1 PSOL pede cassação de Zambelli após episódio com arma
2 Cristina Graeml é mais um nome a deixar a Jovem Pan
3 Multidão realiza grande ato na frente do Comando Militar do RJ
4 PRF: Rodovias estão com 167 pontos de bloqueio nesta quarta
5 Grupo faz vigília e organiza ato na frente do QG do Exército

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.