Leia também:
X Lula e Dilma pedem a libertação do ativista Assange em carta

Eleições 2022 terão novo modelo de urna. Confira o que mudou

Cada modelo novo custa 400 dólares a mais que o anterior

Pierre Borges - 13/12/2021 12h17 | atualizado em 13/12/2021 13h21

novo modelo de urna
Novo modelo da urna eletrônica Foto: Divulgação/TSE

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou nesta segunda-feira (13) os novos modelos de urnas eletrônicas que serão adotadas nas eleições de 2022. A promessa é de maior segurança.

De acordo com informações obtidas pela rádio CBN, o novo modelo, UE2020, contará com um processador System on a Chip (SOC), uma tecnologia mais recente do que a utilizada no modelo anterior. O processador é até 18 vezes mais rápido do que o antigo chip, o que pode permitir uma maior velocidade na inserção dos dados.

Outra mudança é no teclado da urna, que terá botões com duplo fator de contato, o que faz com que o próprio aparelho acuse problemas de mau contato ou curto-circuito, permitindo maior rapidez e eficiência na execução da troca de equipamentos defeituosos.

O presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, visitou nesta manhã a fábrica de urnas da Boreo Indústria de Componentes, subsidiária da Positivo Tecnologia em Manaus. A empresa irá fabricar 225 mil urnas das 577 mil que serão usadas nas eleições. A empresa venceu a licitação realizada nas eleições de 2020 e, como não houve novo certame para este ano, seguirá fabricando o equipamento.

O Tribunal informou que tanto o novo modelo quanto o antigo utilizarão o mesmo sistema. A produção das novas urnas custou certa de mil dólares por unidade (R$ 5640). O custo era de 600 dólares (R$ 3.385) para a fabricação do modelo anterior.

Leia também1 Zezé sobre Luciano: 'Tenho uma história muito maior que ele'
2 Lula e Dilma pedem a libertação do ativista Assange em carta
3 Paes diz que Tarcísio usa o ministério para fazer campanha
4 Senador gritou e ofendeu Flávia Arruda ao telefone, diz colunista
5 Revista Time elege Elon Musk como Personalidade do Ano

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.