Leia também:
X Dom e Bruno: Pescador escondeu restos mortais a 3 km do crime

Eleição: Ministro da Defesa pede reunião entre militares e TSE

Paulo Sérgio Nogueira enviou ofício ao ministro Edson Fachin solicitando encontro entre as duas instituições

Paulo Moura - 16/06/2022 09h41 | atualizado em 17/06/2022 11h43

Ministro Paulo Sérgio Nogueira Foto: Ministério da Defesa/Igor Soares

Em um ofício enviado na tarde desta quarta-feira (15) ao presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Edson Fachin, o ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira, solicitou um encontro entre as equipes das Forças Armadas e da Justiça Eleitoral para “dirimir eventuais divergências técnicas” relacionadas às eleições deste ano.

No documento, Nogueira expressou que o objetivo do encontro entre o TSE e as Forças Armadas é discutir as propostas apresentadas pelos militares no âmbito da Comissão de Transparência das Eleições e solucionar eventuais divergências que possam ter surgido nos trabalhos do colegiado.

Nogueira esclareceu ainda que as propostas formuladas pelas Forças Armadas têm como objetivo “fortalecer a segurança, a transparência, a confiabilidade e a auditabilidade do processo eleitoral”. O convite foi feito como resposta a um pedido de Fachin, que propôs um diálogo interinstitucional em prol do fortalecimento da democracia.

– Reitero a certeza de que a manutenção do diálogo ora em comento é um importante instrumento para a construção de soluções que contribuam para o ambiente de paz e de tranquilidade da sociedade brasileira – ressaltou.

O pedido de reunião feito pelo ministro da Defesa ocorre após ele reclamar que as Forças Armadas não vinham sendo prestigiadas pela Justiça Eleitoral. Como resposta, o TSE divulgou uma lista das recomendações que foram acatadas para as eleições deste ano.

Leia também1 Dom e Bruno: Pescador escondeu restos mortais a 3 km do crime
2 Suspeito confessou assassinato de Bruno e Dom, diz PF no AM
3 CUT cria “brigadas digitais” para enviar material pró-Lula
4 Bolsonaro: "Jesus não comprou pistola porque não tinha"
5 Lula quer no máximo três debates na campanha eleitoral

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.