Leia também:
X Livro relata satanismo no caso Flordelis: “Pastora do Diabo”

DiCaprio também tenta influenciar eleitores no Brasil

Ator aderiu à mesma campanha que o também ator Mark Ruffalo

Pleno.News - 29/04/2022 13h13 | atualizado em 29/04/2022 13h31

Leonardo DiCaprio Foto: EFE/EPA/DAVID SWANSON

O ator norte-americano Leonardo DiCaprio usou suas redes sociais para pedir que seus seguidores brasileiros de 16 e 17 anos tirem o título de eleitor até 4 de maio, prazo definido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para a regularização do documento a tempo de participar do pleito de outubro. O artista, que é ativista da causa climática, destacou a importância do Brasil para o mundo por abrigar a maior parte da floresta amazônica.

– O que acontece lá [no Brasil] é importante para todos nós, e o voto dos jovens é fundamental para impulsionar a transição para um planeta saudável – publicou nesta quinta-feira (28).

Ele também acrescentou, em português, a hashtag #tiraotitulohoje. A publicação de DiCaprio acompanha um link para o site Olha o Barulhinho, desenvolvido pela agência Quid, que se define como uma “organização dedicada a construir e apoiar iniciativas que engajem pessoas em torno de causas sociais e políticas”.

O ator de Titanic não é o primeiro a tentar usar sua popularidade para intervir nas eleições brasileiras. Nesta semana, o ator Mark Ruffalo, que interpreta o super-herói Hulk nos cinemas, também deu destaque ao site em seu perfil no Twitter e usou a mesma hashtag que DiCaprio.

Antes de o site despontar na internet, influenciadores brasileiros já vinham fazendo campanha pela participação dos jovens no pleito de outubro. Anitta, Whindersson Nunes e outros artistas endossaram o tema em suas plataformas.

*Com informações da AE

Leia também1 Mark Ruffalo, ator de Hulk, volta a "intervir" nas eleições do Brasil
2 Livro relata satanismo no caso Flordelis: "Pastora do Diabo"
3 Céline Dion volta a adiar turnê por problemas de saúde
4 Trump diz que Harry é o homem mais domesticado do mundo
5 Âncora da Globo sobre morte de criança no carnaval: "A festa continua”

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.