Leia também:
X Amoêdo declara apoio a Lula: ‘Pela 1ª vez na vida, digitarei 13’

BTG suspende parceria com instituto Idea no segundo turno

Divulgação era feita pela revista Exame, que irá publicar outras pesquisas

Monique Mello - 15/10/2022 16h02 | atualizado em 17/10/2022 14h24

Urna eletrônica Foto: Roberto Jayme/Ascom/TSE

O banco BTG suspendeu a parceria com o instituto Ideia para realização de pesquisas eleitorais. A divulgação era realizada pela revista Exame, que faz parte do grupo financeiro.

Nesta sexta-feira (14), o Ideia já tratou de registrar uma nova pesquisa de intenção de voto no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), desta vez com recursos próprios. O levantamento, previsto para ser publicado no próximo dia 20, está orçado em R$ 33.800 e terá 1.500 entrevistados.

Da parceria Exame Ideia, já haviam saído 17 pesquisas – para presidente e governos estaduais – desde janeiro deste ano. A última foi antes do primeiro turno.

À coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo, Renato Mímica, CEO da Exame e sócio do BTG, disse que a suspensão da parceria é parte de uma mudança de estratégia no segundo turno, e que a Exame divulgará todas as pesquisas que forem feitas por diversos institutos, incluindo a da Ideia.

A revista Exame divulgou nota oficial. Leia a íntegra:

A EXAME informa que, por uma decisão editorial, decidiu passar a reportar todas as pesquisas de intenção de voto para presidência registradas no TSE neste segundo turno.

Por este motivo, optou por descontinuar as pesquisas eleitorais que vinha fazendo com o Instituto Ideia, mas a parceria com a instituição se mantém para outros levantamentos.

A EXAME esclarece também que o financiamento das pesquisas era feito com recursos da empresa, e não do banco BTG Pactual.

Leia também1 Moraes suspende investigações sobre institutos de pesquisa
2 TSE intima ministro e Cade por inquéritos sobre pesquisas
3 TRE-SP considera Pablo Marçal eleito deputado federal
4 TSE remove das redes sociais 334 postagens sobre presidenciáveis
5 Decisão de Moraes garantiu votos a Lula, afirma Bolsonaro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.