Leia também:
X “Minha equipe está trabalhando para impedir KGB do Moraes”

Bolsonaro garante que Auxílio Brasil será de R$ 600 em 2023

Presidente afirmou que uma das maneiras de manter o valor é com recursos da taxação de lucros e dividendos

Henrique Gimenes - 01/09/2022 20h59 | atualizado em 02/09/2022 11h27

Presidente Jair Bolsonaro concedeu entrevista à RedeTV Foto: Reprodução/Print de vídeo publicado nas redes sociais

Nesta quinta-feira (1º), o presidente Jair Bolsonaro concedeu uma entrevista à RedeTV para falar sobre sobre suas propostas em caso de reeleição. E um dos assuntos debatidos foi o Auxílio Brasil, o que levou o candidato a explicar como iria manter, em 2023, o valor do benefício em R$ 600.

De acordo com Bolsonaro, os recursos viriam da taxação de lucros e dividendos, uma das bandeiras defendias pelo ministro da Economia, Paulo Guedes.

– O ministro Paulo Guedes disse que está garantido os R$ 600 a partir do ano que vem, porque nós vamos taxar lucros e dividendos para quem ganha acima de R$ 400 mil por mês. E essas pessoas não pagam qualquer imposto em cima de disso. Então, esse espaço fiscal dessa taxação, que eu tenho certeza que o Congresso vai colaborar conosco, você pode tornar definitivo os R$ 600 e mais ainda, pode fazer uma conversão na tabela do Imposto de Renda – explicou.

Mais cedo, durante sua live semanal, o presidente já havia mencionado a medida como uma das maneiras de garantir o valor extra do benefício.

Leia também1 Após TSE barrar Jefferson, PTB define candidato à Presidência
2 Luciano Hang: "Quero crer que Moraes foi levado ao erro"
3 Malafaia: PT planeja distribuir panfletos na porta das igrejas
4 Em live, Jair Bolsonaro convida o povo para o 7 de Setembro
5 "Minha equipe está trabalhando para impedir KGB do Moraes"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.