Leia também:
X Luciano Huck leva invertida de Padre Kelmon na web

Aras diz que urnas eletrônicas “deram fim a fraudes”

PGR publicou uma série de declarações em defesa da urnas

Pleno.News - 30/09/2022 16h08 | atualizado em 30/09/2022 16h33

Augusto Aras Foto: Reprodução/YouTube Augusto Aras

Às vésperas do primeiro turno das eleições, o procurador-geral da República Augusto Aras divulgou em seu canal do YouTube, nesta sexta-feira (29), um vídeo com um conjunto de declarações em defesa das urnas eletrônicas.

O chefe do Ministério Público Federal diz que elas “inegavelmente puseram fim a um conjunto de fraudes” que existiam antes do desenvolvimento do mecanismo.

– Nós acreditamos no sistema eleitoral vigente. Nós acreditamos que termos eleições limpas – ressaltou.

As afirmações de Aras foram registradas durante conversas com jornalistas da imprensa estrangeira, em julho e em agosto, e também durante manifestação no plenário do Supremo Tribunal Federal nesta quinta-feira (29). Segundo o procurador-geral, é preciso “preservar a legitimidade do processo eleitoral”.

Diante dos ministros da corte máxima, Aras declarou seu “desejo e atuação em busca da vontade popular manifestada de forma livre e consciente em um ambiente de paz e harmonia”. O procurador afirmou esperar que o primeiro turno seja “mais um domingo de paz em uma festa cívica de todos os brasileiros”.

– Confiamos na nossa democracia e haveremos de ter o resultado, qualquer que seja, devidamente respeitado pelas instituições públicas e privadas, pelos Poderes e pelo povo brasileiro. De qualquer forma, teremos um presidente e todos os brasileiros – indicou.

Em outro momento do vídeo, registrado durante entrevista concedida a jornalistas, Aras diz que gostaria que todos os cidadãos fossem “fiscais” das eleições.

– Porque aí sim teríamos uma cidadania amplamente defendida, sem tendências ou mesmo sem suspeitas acerca da legitimidade material do poder político no nosso ambiente democrático – afirmou.

*AE

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.