Leia também:
X Flordelis teria jogado celular de Anderson da Ponte Rio-Niterói

Movimentos de direita no Recife defendem a anulação do voto

Segundo turno será disputado entre candidato do PSB e candidata do PT

Henrique Gimenes - 27/11/2020 20h20 | atualizado em 27/11/2020 21h56

Movimentos de direita no Recife defendem a anulação do voto Foto: EFE/Joédson Alves

Às vésperas do segundo turno das eleições, um grupo de 10 movimentos de direita em Pernambuco lançou um manifesto em defesa do voto nulo. O pleito será disputado entre os candidatos Marília Arraes (PT) e João Campos (PSB).

De acordo com o grupo, a decisão foi adotada para manter “a firmeza de nossas pautas, tendo em vista que se trata de duelo familiar sem alternância ou mudança, ambos bebem na mesma fonte ideológica que ao longo dos anos vem causando divisão, destruição social e vítimas no mundo todo: o socialismo e o comunismo”.

Os movimentos também ressaltaram que “nós, conservadores já fomos eliminados do jogo no primeiro tempo, quando desunidos não agregamos! Eles não nos representam, nossas pautas são inegociáveis, eles não merecem os nossos votos”.

Leia a nota completa:

Recifenses, como membros da coalizão da Direita em Pernambuco, em especial na Cidade do Recife, assinamos e declaramos em uníssono, a opção pelo VOTO NULO no 2º Turno das Eleições para Prefeitura do Recife no próximo dia 29/11/2020.

Tal postura se deve a firmeza de nossas pautas, tendo em vista que se trata de duelo familiar sem alternância ou mudança, ambos bebem na mesma fonte ideológica que ao longo dos anos vem causando divisão, destruição social e vítimas no mundo todo: o socialismo e o comunismo!

Uma sequência prática da ideologia marxista, qual prevê a destruição do mundo, dos nossos valores, da nossa família e da propriedade, logo não podemos votar e apoiar uma ideologia que só pensa em destruir.

Não podemos admitir o voto no PSB, protagonista dos maiores escândalos da história do Governo Estadual e do Municipal em nossa capital RECIFE, pois sua gestão, além de fracassada, recebeu quase 08 (oito) visitas da Polícia Federal, em razão dos arbítrios e crimes cometidos que há alguns anos assola a Cidade do Recife.

Não podemos em nenhuma hipótese admitir o voto no PT, não só por todo o histórico nefasto que esse partido tem, protagonista dos maiores escândalos da história do Governo Federal, mas também por sua ideologia bater de frente com todos os valores morais do ocidente judaico-cristão, e, não possuir como ponto central os valores da honestidade e probidade com a coisa pública.

Rechaçamos, pois, todas as duas candidaturas de esquerda postas à nossa querida Cidade do Recife. Optando pela abstenção ou voto nulo, como forma de mostrar nossa insatisfação, como forma de não legitimar uma futura gestão que não nos representa!

É melhor escolher uma única causa, algo grandioso e ousado que dê sentido a sua vida, e se dedicar integralmente a ela com audácia para o resto da sua vida. Quem deixará o PT voltar é quem vota nele.

Nós, conservadores já fomos eliminados do jogo no primeiro tempo, quando desunidos não agregamos! Eles não nos representam, nossas pautas são inegociáveis, ELES não merecem os nossos votos!

E neste momento, respeitaremos a vontade soberana do povo e registraremos nosso voto de protesto. Recife: VOTE NULO!

Que Deus nos abençoe!

Assinam a nota:
Advogados de Direita de Pernambuco
Endireita Pernambuco
Direita Livre Brasil
Liberta Pernambuco
Endireita Recife
Fiscais do Mito
Comunidade Direita
Direita Jurídica – Conservadora Nacional
Movimento Advogados Pró-Bolsonaro Brasil
Fórum dos Conservadores do Nordeste

Leia também1 Bolsonaro diz que não irá tomar vacina: "É um direito meu!"
2 Luciana Gimenez diz que nunca viu Bolsonaro 'desrespeitar' gays
3 Adélio chama Jair Bolsonaro de impostor e diz não se arrepender
4 "Irresponsáveis", diz Anderson Moraes sobre vacina obrigatória
5 Bolsonaro afirma que liberdade do povo passa pelos militares

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.