CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Nas redes sociais, Danilo Gentili critica Manuela d’Ávila

PT irá recorrer à ONU e ao STF por candidatura de Lula

Ex-presidente teve seu registro negado com base na Lei da Ficha Limpa

Henrique Gimenes - 03/09/2018 18h02 | atualizado em 03/09/2018 21h17

Fernando Haddad e Lula Foto: Ricardo Stuckert

Após o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) barrar a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o PT informou que irá recorrer ao Comitê de Direitos Humanos da ONU (Organização das Nações Unidas) e ao Supremo Tribunal Federal (STF). A informação foi passada pelo vice na chapa do partido, Fernando Haddad.

À ONU, a sigla quer garantir que a candidatura de Lula possa ser registrada para as eleições em outubro. Já ao STF, o partido quer garantir que não haja necessidade substituir o nome do ex-presidente no prazo de 10 dias. De acordo com Haddad, a decisão partiu do próprio Lula.

– O presidente Lula tomou a decisão de peticionar junto à ONU para que se manifeste sobre a decisão das autoridades eleitorais brasileiras em relação à determinação da ONU para que sua candidatura fosse registrada – explicou.

Fernanda Haddad participou de um encontro com o ex-presidente nesta segunda-feira (3). Além dele, a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, e advogados também visitaram Lula.

Na sexta-feira (31), os ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) se reuniram e decidiram barrar a candidatura de Lei com base na Lei da Ficha Limpa.

 

Leia também1 Haddad insiste e diz que Lula ganha no primeiro turno
2 Geraldo Alckmin critica PT: "O que estão fazendo é absurdo"

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo