Leia também:
X Toffoli: “Atacar o Judiciário é como atacar a democracia”

Haddad: ‘Bolsonaro representa ameaça à democracia’

Candidato do PT disse que seu adversário tem feito declarações autoritárias

Henrique Gimenes - 22/10/2018 17h58 | atualizado em 22/10/2018 21h46

O candidato Fernando Haddad Foto: Reprodução

Nesta segunda-feira (22), o candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, afirmou que seu adversário na disputa, Jair Bolsonaro ameaça a democracia. Ele comentou declarações feitas pelo candidato do PSL.

Haddad falou a jornalistas durante um evento de campanha em São Paulo. Ao comentar uma fala de Bolsonaro sobre realizar uma “faxina” no país e banir os “marginais vermelhos”, o petista explicou que seu adversário afirmar que “se ganhar as eleições não vai haver espaço para oposição no Brasil”.

– Ou a gente acorda para esse problema esta semana, e bota de lado essa tradição autoritária que o Brasil sempre teve, mas que estava bem comportada até aqui, ou vamos correr riscos inclusive físicos (…) Se ele tem coragem de ameaçar a democracia antes das eleições, o que ele fará com o apoio dos eleitores? – questionou.

O candidato do PT também voltou a falar sobre a demora da Justiça Eleitoral em agir no caso das mensagens em massa enviadas pelo WhatsApp.

– Se todo mundo sabe que houve fraude no primeiro turno com dinheiro sujo de caixa 2 para bombardear as redes sociais com mensagens falsas, o que está se esperando? – indagou.

Leia também1 Haddad: "Brasil tem Justiça analógica para crime digital"
2 TSE abre investigação sobre campanha de Jair Bolsonaro

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.