Leia também:
X Mercado homenageia o Brasil com decoração verde e amarela

Eduardo sugere ‘câmeras escondidas’ para expor má-fé de jornalistas

Deputado apoiou versão brasileira de iniciativa já adotada nos EUA

Pleno.News - 06/09/2021 11h12 | atualizado em 06/09/2021 11h13

Deputado federal Eduardo Bolsonaro defendeu uso de câmeras escondidas para expor corrupção de jornalistas Foto: Reprodução Twitter

O deputado federal Eduardo Bolsonaro defendeu o uso de câmeras escondidas para filmar jornalistas e expor o que acontece nos bastidores da elaboração de reportagens. A modalidade seria uma versão brasileira do Project Veritas, grupo norte-americano sem fins lucrativos que usa mecanismos disfarçados para expor situações de corrupção, fraude, manipulação e ações antiéticas em empresas públicas e privadas.

Um dos alvos das ações do Project Veritas é justamente a imprensa norte-americana, que se voltou em peso contra a administração do ex-presidente Donald Trump.

Para Eduardo, a iniciativa seria interessante se usada no Brasil.

– Não seria nada mal ter aqui. Imagina o que não rola nos corredores da Globolixo – disse durante a conferência conservadora CPAC, que ocorreu no Brasil neste fim de semana.

Ainda segundo o parlamentar, era “só dar uma câmera escondida para uma tia do zap”, debochou.

CONFIRA A PARTICIPAÇÃO DE EDUARDO BOLSONARO NO CPAC 2021

Leia também1 Trump Jr.: Brasil tem 2 escolhas, "liberdade ou socialismo"
2 Bolsonaro sobre o STF: "Estão achando que vão me brochar”
3 Em vídeo, irmãos Weintraub mostram como seria um Brasil comunista
4 Bolsonaro manda aviso ao STF: "Com a nossa liberdade não"
5 Na CPAC, filho de Trump denuncia "plano da China" para o Brasil em 2022

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.