Leia também:
X Avó de Michelle Bolsonaro é enterrada no Distrito Federal

Web pressiona por aborto para menina de 10 anos estuprada

Criança era estuprada pelo tio desde os 6 anos e está grávida há cerca de três meses

Henrique Gimenes - 13/08/2020 17h42 | atualizado em 13/08/2020 19h30

Usuários de redes sociais se uniram, nesta quinta-feira (13), e lançaram uma campanha pedindo que seja liberado o aborto a uma menina de 10 anos que está grávida após ser estuprada pelo próprio tio. No Twitter, apoiadores da causa levaram a #gravidezaos10mata a ser o assunto mais comentado da rede social.

O caso em questão é o de uma menina de 10 anos moradora do Espírito Santo. Os abusos foram descobertos após a criança ter sido levada ao Hospital Roberto Silvares, em São Mateus, por uma tia no último sábado (8). Lá, profissionais de saúde notaram um volume na barriga da menina e fizeram um exame de sangue (BCG), que deu resultado positivo para gravidez.

A criança contou à assistente social que os abusos ocorriam desde que ela tinha seis anos de idade e que nunca contou nada porque era ameaça de morte pelo tio.

A Legislação do Brasil permite que o aborto seja realizado nos casos de estupro ou quando há risco para a vida da mãe. Por ter dez 10 anos de idade, a menina também corre riscos ao seguir com a gravidez.

Ao jornal A Gazeta, a secretária de assistência Social de São Mateus, Marinalva Broedelo, informou que o procedimento depende de autorização médica e judiciária, o que levou usuários de redes sociais a levantarem a campanha pela liberação.

Ainda de acordo com o veículo, o tio da menina não foi detido pois não há um mandado de prisão em aberto. Ele também não é considerado foragido. Já a criança foi levada para um abrigo.

Na segunda-feira (10), a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, disse que iria ajudar a criança.

– Minha equipe já está entrando em contato com as autoridades de São Mateus para ajudar a criança, sua família e para acompanhar o processo criminal até o fim – avisou Damares.

Publicação da ministra sobre mais um caso de estupro Foto: Reprodução

Leia também1 Damares vai ajudar menina de 10 anos que engravidou após estupro
2 Homem é preso por estuprar as filhas durante cinco anos
3 SP: Homem é preso suspeito de estuprar sobrinhos
4 Damares vai distribuir guia de como fortalecer casamento
5 Damares Alves: “Existe estupro de bebê neste país”

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.