Leia também:
X Weintraub anuncia que voltará ao Brasil e pede apoio do povo

‘Vacina de vento’: Técnica queria desviar dose, conclui polícia

Profissional de saúde responderá pelos crimes de peculato e de infração de medida sanitária

Pleno.News - 12/03/2021 22h01

Técnica de enfermagem Adenilde Lourenço Foto: Reprodução/TV Globo

A Polícia Civil do Rio de Janeiro concluiu que a técnica de enfermagem flagrada aplicando uma “vacina de vento” em uma idosa de 85 anos, em janeiro, queria desviar a dose do imunizante. Adenilde Lourenço da Silva trabalhava em um posto de saúde em Copacabana, na Zona Sul do Rio.

– Ao final, foi possível comprovar o efetivo desvio da dose – explicou a delegada Bianca Lima.

Adenilde foi indiciada por crime de peculato (quando um funcionário público subtrai ou desvia dinheiro ou bem da administração pública para finalidade pessoal) e de infração de medida sanitária. A Polícia Civil também pediu pelo afastamento imediato de sua função pública.

Em sua defesa, Adenilde afirmou que errou ao não aplicar a vacina na idosa, mas não admitiu a finalidade de desvio para uso pessoal ou alheio.

Ainda de acordo com a técnica, uma residente foi a responsável por colocar o líquido na seringa, o que foi desmentido pela profissional citada. Adenilde disse ainda que notou que algo estava errada, mas não comunicou o ocorrido à enfermeira-chefe.

A falsa imunização só foi percebida porque a filha da paciente gravou o momento da vacinação e, ao assistir as imagens, notou que a seringa estava vazia.

A Secretaria Municipal de Saúde afastou Adenilde do cargo e abriu um processo de sindicância para investigar o ocorrido.

Leia também1 Covid: Mulher de 75 anos tem morte súbita após ser vacinada
2 Mercosul cobra dos EUA mais atenção e ajuda com vacinas
3 Biden recusa doar vacinas contra Covid-19 a países necessitados
4 Fiocruz receberá princípio ativo de vacina em dobro
5 Gilberto Gil é vacinado contra covid ao som de 'Andar com fé'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.