Leia também:
X Guedes afirma que o auxílio emergencial pode ser renovado

Travesti funda igreja trans em São Paulo, a primeira do Brasil

Jacque Chanel recebeu ordenação pastoral

Monique Mello - 27/05/2021 14h52 | atualizado em 27/05/2021 16h54

Cerimônia de ordenação pastoral na Igreja da Comunidade Metropolitana, em São Paulo Foto: Reprodução/Instagram

O Brasil agora possui a primeira “igreja trans”, intitulada Séforas, em São Paulo capital. A instituição foi fundada por Jacque Chanel, que se autodenomina travesti e transexual e recebeu a ordenação pastoral neste domingo (23).

A cerimônia foi realizada na Igreja da Comunidade Metropolitana, conhecida como ICM, que defende pautas progressistas há alguns anos. Três sacerdotes comandaram a celebração, transmitida ao vivo para os fiéis que acompanhavam de casa.

De acordo com um dos sacerdotes, Jacque professava a fé cristã desde criança e nunca pôde “viver plenamente essa verdade dentro da igreja”.

Séforas era inicialmente um grupo de louvor da ICM, liderada por Jacque, que promovia reuniões semanais, frequentadas principalmente transexuais e travestis.

– Para nós, é muito importante ter essa igreja pensada para o público transexual e travesti porque isso significa um novo espaço de acolhimento. Eu sou trans e quero que meu povo se sinta acolhido – disse Jacque, após receber unção com óleo, que faz parte da ordenação pastoral.

Leia também1 Maior igreja cristã da Suécia se autodenomina "trans"
2 Desembargador dá 24h para Goiânia 'apagar' faixa LGBT
3 Malafaia diz que é processado por PT, Freixo, Xuxa e Thammy
4 Índia: Abandonada no altar, mulher se casa com padrinho
5 Igreja brasileira levanta clamor por cristãos perseguidos

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.