Leia também:
X PM acaba com acampamento e Sara Winter faz denúncia

Tratando câncer, Bruno Covas é diagnosticado com Covid-19

Mesmo no grupo de risco, prefeito de SP está sem sintomas

Gabriela Doria - 13/06/2020 21h17 | atualizado em 13/06/2020 21h26

Prefeito de São Paulo, Bruno Covas foi diagnosticado com Covid-19 Foto: Agência Brasil/Rovena Rosa

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), de 40 anos, foi diagnosticado com Covid-19. A informação foi divulgada pela Prefeitura de São Paulo neste sábado (13).

Covas foi diagnosticado após teste preventivo de rotina.

– Ele passa bem, não apresenta sintomas e recebeu recomendação de seu médico, Dr. Davi Uip, para permanecer trabalhando em casa e em observação pelos próximos dias – diz o comunicado da prefeitura.

O prefeito da capital paulista está em tratamento para conter um câncer no sistema digestivo, entre o esôfago e o estômago, descoberto no passado. Ele é acompanhado pelas equipes médicas coordenadas por David Uip, Roberto Kalil Filho, Artur Katz e Tulio Eduardo Flesch Pfiffer.

Em maio, ele foi internado no Hospital Sírio-Libanês, após sentir dores abdominais. Exames apontaram que ele tinha colite, uma inflamação no cólon, parte central do intestino grosso. O político ficou dois no hospital e recebeu alta no dia 15 de maio.

Apesar dos problemas de saúde, Covas continua exercendo sua atividade como prefeito. Em entrevista recente ao jornal Folha de S.Paulo, publicada no dia 5 de maio, ele afirmou que as dificuldades enfrentadas por São Paulo na pandemia do novo coronavírus não têm impedido suas sessões de imunoterapia.

– Continuo indo. As oito sessões de quimioterapia fizeram sumir dois dos três tumores. Um permaneceu, mudei o tratamento. Depois de três sessões, fiz uma nova bateria de exames e uma quarta sessão. Ela não tem a rapidez da quimioterapia, mas os médicos ficaram muito contentes com o resultado – afirmou.

*Folhapress

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.