Leia também:
X MS: Homem é espancado ao ser confundido com Lázaro Barbosa

Tia conta que Lázaro ligou para a mãe e disse que não agiu sozinho

O chamado "serial killer do DF" alegou que teve ajuda no crime em Ceilândia e que não foi ele quem sequestrou Cleonice Vidal

Thamirys Andrade - 23/06/2021 10h36 | atualizado em 23/06/2021 13h06

lázaro barbosa
Buscas pelo foragido chegam a 15° dia Foto: Divulgação/PC-GO e reprodução/Record TV

Tia de Lázaro Barbosa, Zilda Maria relatou que o suspeito da chacina na cidade de Ceilândia (DF) ligou para a mãe, Eva Maria de Souza, dois dias após o crime, e afirmou que não havia agido sozinho. A ligação ocorreu enquanto Eva retornava a Brasília de uma viagem para o estado da Bahia. As informações são do portal G1.

Durante a conversa no dia 11 de junho, a mãe de Lázaro questionou sobre onde estava a vítima sequestrada Cleonice Marques, de 43 anos, que até então ainda não havia sido encontrada pela polícia. O marido de Cleonice, Cláudio Vidal, de 48 anos, e os filhos Gustavo e Eduardo Vidal, de 21 e 15 anos, foram achados mortos na chácara, com ferimentos de tiros e facadas.

– Ela [Eva] atendeu o telefone no ônibus, ficou nervosa. Ele [Lázaro] perguntou se ela [a mãe] estava bem, e ela disse: “Como é que você me pergunta se eu estou bem? Depois de tudo que você fez, como é que é você me pergunta se eu estou bem? Cadê a mulher? O que que tu fez?”. Aí ela disse que ele falou assim: “Não foi eu sozinho e não sou eu que estou com a mulher”. Ela disse que a prosa foi essa aí – contou a tia do suspeito, acrescentando que o sobrinho não entrou em contato novamente desde então.

Cleonice foi localizada pela polícia dentro de um córrego em Ceilância, sem roupas, no dia 12 de junho. Ela foi morta por um tiro à queima-roupa e apresentava sinais de tortura, mutilação e possível estupro.

Eva Maria espera que o filho seja preso “para ele esclarecer todas as verdades”. Ela acredita que ele esteja sendo pertubado por um “demônio”.

– Eu acho assim, que é um demônio, um demônio que perturba ele. Tem mais de dois anos que eu não o vejo – contou Eva à TV Bahia, na quinta-feira (17).

15° DIA DE BUSCAS
Nesta quarta-feira (23), ocorre o 15° dia de operação pela captura de Lázaro Barbosa, em Cocalzinho de Goiás. O psicopata foragido tem centenas de policiais em seu encalço, helicópteros, cães farejadores e drones com visão térmica.

Durante sua fuga, o chamado “serial killer do DF” tem cometido uma série de crimes: invadiu casas, fez reféns, roubou automóveis e incendiou propriedades.

Informações preliminares apontam que Lázaro pode ter aparecido em uma chácara de Girassol na terça-feira (22) e trocado tiros com um caseiro na tentativa de arrombar a porta do local. Ainda não há confirmação de que o suspeito seja de fato Lázaro. O caseiro não se feriu e não sabe dizer se o criminoso foi atingido.

Leia também1 MS: Homem é espancado ao ser confundido com Lázaro Barbosa
2 Entenda processo que concedeu regime semiaberto a Lázaro
3 Ministro da Justiça sobre caçada a Lázaro: 'Estamos à disposição'
4 Cantor faz boletim de ocorrência por ser confundido com Lázaro
5 Justiça do DF nega pedido de cela separada para Lázaro Barbosa

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.