Leia também:
X Defesa de Crivella aciona o STJ para tentar reverter prisão

Suzane deixa penitenciária para “saidinha” de fim de ano

Presa em 2002 por matar os pais, ela ficará em liberdade até o dia 5 de janeiro

Ana Luiza Menezes - 22/12/2020 17h47 | atualizado em 23/12/2020 16h03

Suzane von Richthofen Foto: Reprodução / TV Vanguarda

Segundo informações do portal UOL, Suzane von Richthofen deixou a Penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier, em Tremembé (SP), na manhã desta terça-feira (22). A saída é temporária, em função das festas de Natal e Ano Novo.

Usando máscara, Suzane estava entre as detentas que foram liberadas por volta das 8h15 desta terça. Ela, que foi presa em 2002 por matar os pais, ficará em liberdade até o dia 5 de janeiro.

De acordo com o Departamento Estadual de Execuções Criminais (Deecrim), em São Paulo os presos terão uma saída prolongada, com adição de 5 dias, totalizando 15 dias fora das penitenciárias.

Anna Carolina Jatobá, que cumpre pena pela morte da enteada Isabela Nardoni, e Elize Matsunaga, presa por matar o marido Marcos Matsunaga, também foram beneficiadas pela saída temporária.

Leia também1 Defesa de Crivella aciona o STJ para tentar reverter prisão
2 Ministério de Damares diz que prestou atendimento a Oswaldo
3 Mourão minimiza prisão de Crivella: 'Nada a ver com a gente'
4 Com risco de ficar paraplégico, Eustáquio ganha apoio na web
5 Maia critica prisão de Crivella e chama medida de "abusiva"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.