Leia também:
X Cadeirante perde benefício e ameaça explodir agência do INSS

SP: Setor de bares e restaurantes fala em ‘extermínio’

Empresários paulistas falaram da situação após novas medidas de restrição

Pleno.News - 16/03/2021 16h16 | atualizado em 16/03/2021 16h56

Governador de SP, João Doria Foto: Reprodução

Em meio ao aumento das medidas de isolamento em São Paulo, empresários do setor de bares e restaurantes temem o “extermínio” de empresas. De acordo com a Rádio Jovem Pan, a proibição, feita pelo governo paulista, de que os clientes retirem pedidos no balcão prejudica os estabelecimentos comerciais.

Ao veículo, o empresário Egberton Sabóia, do Daiki Sushi, falou sobre a situação.

– O delivery, embora seja mais uma alternativa de venda, não serve para você fechar as contas do seu estabelecimento no final do mês. A gente, como uma empresa que trabalha com salão e delivery, o delivery serve para ajudar – apontou.

Já Laurent Abadie, da Pizzaria Jolly, falou sobre o problema do aumento do preço dos insumos.

– Os insumos estão ficando cada vez mais caros, e o nosso preço de venda, de forma geral, está descendo porque temos que fazer promoção, temos que encontrar um jeito de conquistar o cliente nesse período difícil. Então a situação [em] que estamos é bem crítica e está ficando cada vez mais crítica – destacou.

Por determinação do governador João Doria, São Paulo permanecerá na fase mais restrita até o dia 30 de março.

Leia também1 Doria pede que homem gravado ameaçando Lula seja investigado
2 Advogados de réus da Lava Jato aguardam decisões do STF
3 Aliado de Doria, Carlão Pignatari é eleito presidente da Alesp
4 Bolsonaro critica governadores por combustível caro no Brasil
5 Doria cobra leitos de UTI e diz que Ministério da Saúde mentiu

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.