Leia também:
X Em cúpula de Biden, Bolsonaro afirma: “Adotamos o plano anticorrupção mais ambicioso da história”

SP: Câmara aprova PL que proíbe ensino da linguagem neutra

"Não dá para incluir coisas que não fazem parte de nossa língua para lacrar", disse autor do PL

Monique Mello - 10/12/2021 17h04 | atualizado em 10/12/2021 17h21

Linguagem neutra Foto: Pixabay // Arte: Pleno.News

Os vereadores da cidade de São Paulo aprovaram, na noite desta quinta-feira (9), o Projeto de Lei nº 52/2021 que proíbe o ensino da chamada linguagem neutra nas escolas da cidade.

A proposta de autoria do vereador Rinaldi Digilio (PSL) determina que seja garantido aos alunos o direito de aprender a língua portuguesa somente de acordo com as normas, evitando assim a possibilidade de ensinar termos que têm sido usados, como TodEs e ElXs.

– Temos que acabar com esse absurdo. Não dá para incluir coisas que não fazem parte de nossa língua para “lacrar”, sendo que as escolas sequer conseguem ensinar a língua portuguesa de acordo com as normas – afirmou Digilio.

O projeto foi aprovado em primeira votação e deverá ser apreciado em segunda votação, na próxima semana. Depois disso, o projeto irá para sanção ou veto do prefeito Ricardo Nunes.

Leia também1 Xuxa junta-se a cantora trans em premiação: "Bem-vindes"
2 Projeto de Lei quer fim do uso de 'marido e mulher' na união civil
3 Chile aprova casamento entre pessoas do mesmo sexo
4 MPF quer R$ 10 milhões em ação contra Sikêra Jr. e a RedeTV!
5 Doria 'libera' R$ 40 milhões para o Museu da Diversidade Sexual

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.