Leia também:
X Frente Evangélica realiza culto por indicação de Mendonça

São Paulo confirma o 3º caso da variante Ômicron no Brasil

Paciente desembarcou em Guarulhos, vindo da Etiópia

Monique Mello - 01/12/2021 11h11 | atualizado em 01/12/2021 13h21

Terceiro paciente infectado veio da Etiópia Foto: Pixabay

A Secretaria de Saúde do estado de São Paulo confirmou, nesta quarta-feira (1º), o terceiro caso da variante Ômicron no Brasil. O paciente infectado é um homem de 29 anos que desembarcou no Aeroporto de Guarulhos, no último sábado (27), vindo da Etiópia, no continente africano.

– O homem de 29 anos foi testado no aeroporto, ao desembarcar no país, e não apresentava sintomas. Ele é vacinado com as duas doses do imunizante da Pfizer e está bem. Ele está em isolamento domiciliar desde o último sábado e está sendo acompanhado pela vigilância do município de Guarulhos, local que reside – afirmou a Secretaria em nota.

A amostra foi sequenciada geneticamente pelo Instituto Adolfo Lutz. Este caso soma-se aos dois casos confirmados nesta terça-feira (30), também em São Paulo.

Com as confirmações, o governador João Doria (PSDB) solicitou novo parecer técnico ao Comitê Científico do estado sobre a liberação do uso de máscaras faciais em locais abertos. A flexibilização da medida estava prevista para entrar em vigor no próximo dia 11.

– O nosso parâmetro sempre foi o cenário epidemiológico em São Paulo. E, por isso, precisamos saber o impacto da nova variante com a flexibilização do uso de máscaras em espaços abertos – afirmou Doria.

Leia também1 Brasileiros que testaram positivo para Ômicron são missionários
2 Apesar da variante Ômicron, China deve ter Jogos de Inverno
3 Wassef é barrado no STF por não comprovar vacinação anticovid
4 Distrito Federal investiga caso suspeito da variante Ômicron
5 Prefeitura de SP diz que não vai multar show de Claudia Leitte

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.