Leia também:
X Com auxílio, consumo aumentou 8% entre os mais pobres

RJ: Prefeitura multa bares que passaram do horário permitido

Bares e restaurantes não podem ultrapassar as 17h, de acordo com decreto

Pleno.News - 07/03/2021 17h55 | atualizado em 07/03/2021 17h57

Fiscal interdita estabelecimento na Barra - Marcelo Piu / Prefeitura do Rio
Fiscal interdita estabelecimento na Barra da Tijuca Foto: Marcelo Piu / Prefeitura do Rio

A prefeitura do Rio de Janeiro multou 70 estabelecimentos comerciais, da manhã de sábado (6) até a madrugada deste domingo (7), por estarem com as portas abertas após o horário determinado pelo decreto 48.573, que define medidas mais restritivas à circulação de pessoas neste período de pandemia de covid-19.

Na zona oeste da cidade, na Barra da Tijuca, fiscais acabaram com uma festa onde estavam aglomeradas cerca de 200 pessoas.

A determinação é que bares e restaurantes funcionem das 6h às 17h. Também está proibida a permanência nas ruas no período de 23h às 5h. As restrições foram impostas na última sexta-feira (5) e valerão até a próxima quinta-feira (11). Desde o início da adoção do novo decreto, já foram registradas 963 autuações, entre elas, 120 multas e 23 interdições.

No segundo dia de fiscalização, a Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), a Guarda Municipal e o Instituto de Vigilância Sanitária (Ivisa) autuaram 733 comerciantes. As autuações incluem a cobrança de multas, interdições de estabelecimentos, encerramento de feiras, reboques e apreensões de mercadorias de ambulantes.

– Seguimos com uma avaliação bem positiva das ações de fiscalização. Sábado é um dia costumeiramente de lazer e praia para os moradores do Rio, mas mesmo assim quase não tivemos registros de aglomerações – afirmou o secretário de Ordem Pública, Brenno Carnevale, em nota divulgada pela prefeitura do Rio.

*Estadão

Leia também1 Prefeita recusa fase vermelha e é chamada de 'mau-exemplo'
2 Brasil e Israel assinam acordo de cooperação contra a Covid-19
3 Após registro de morte, Áustria suspende lote da AstraZeneca
4 Lacombe fala da pandemia: "Um ano sujeitos aos mesmos erros"
5 Sem máscara! Huck grava sem o item dentro de táxi no Rio

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.