RJ: Governo foi surpreendido pela SuperVia, diz Witzel

Concessionária retirou 40 trens de circulação por problemas técnicos

Pleno.News - 18/11/2019 16h27

SuperVia retirou 40 trans de circulação Foto: GERJ

Nesta segunda-feira (18), o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, disse que o governo não foi alertado pela SuperVia sobre a decisão de retirar de 40 trens chineses de circulação na capital. A concessionária tomou a decisão alegando problemas técnicos. A informação foi dada pelo jornal O Globo.

A concessionária anunciou a decisão de retirar os trens de circulação neste domingo (17) devido a um defeito na caixa de tração. Com a medida, os intervalos entre os ramais aumentaram. De acordo com Witzel, a Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transporte Aquaviários, Ferroviários, Metroviários e de Rodovias do Rio (Agetransp) vai avaliar o caso.

– Fomos surpreendidos. Ela (a SuperVia) não nos comunicou esse tipo de problema e nem que iria tomar essa medida. A Agetransp vai avaliar e, se for o caso, vai multar para que a empresa tome providências – apontou.

Governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel Foto: Agência Brasil/Fernando Frazão

O governador disse também que já determinou um reforço nos outros meios de transporte do Rio.

– É outra herança maldita. A SuperVia, que é uma empresa privada, comprou esses trens que agora aparecem com problemas. Eu determinei o aumento da oferta de metrô e de ônibus para suprir o déficit da SuperVia. Pode ser que a concessionária tenha sido enganada. E uma questão de se apurar. Mas torço para que o problema seja resolvido o mais rapidamente possível – ressaltou.

O problema apareceu em trens chineses que chegaram ao Rio de Janeiro entre 2014 e 2016.

LEIA TAMBÉM+ Marido mata estuprador de sua mulher: "Justiça foi feita"
+ Contra o STF, Janaina pede que Amapá pressione Alcolumbre


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo